Zona Central: Região Central é muito segura!

Esta é a análise do 1º Tenente Alain, Comandante Interino das zonas central e oeste. “Todos os índices criminais estão em queda”, garante. Foco principal da PM está na expansão dos bolsões de estacionamento; furto de veículos em queda

Toda a região central é considerada pela Polícia Militar uma área “muito segura”. O setor é atendido pela 2ª Companhia, responsável pelo policiamento das áreas central e oeste de São José dos Campos.
Na contramão de outros pontos da cidade e de dados gerais da violência do próprio município – conforme índices divulgados recentemente pela Secretaria de Segurança Pública  –, os índices criminais do centro encontram-se em queda. “O centro da cidade é dotado de todas as modalidades de policiamento: Base Comunitária Móvel, que é posicionada em locais estratégicos, Rocam, que possui grande mobilidade no trânsito, policiamento de bicicleta e rondas a pé, que é bem presente. Isso fora o patrulhamento padrão”, afirma o 1º Tenente Alain, Comandante interino das zonas oeste e central.
A área atendida vai da Vila Maria (Av. Sebastião Gualberto) abrangendo o “centrão”, bairros como Vila Adyanna, São Dimas, Vila Ema, Jardim Esplanada, Vila Betânia, Jardim Maringá até a zona oeste, do Urbanova à divisa com Jacareí, englobando tam-bém o Jardim Aquarius, Jd. das Indústrias, Limoeiro e Jardim Pôr- do-Sol.

Saturação de veículos
No horário comercial, toda a região central apresenta saturação de veículos. “As pessoas não conseguem achar vagas para estacionar, então os bolsões de estacionamento na área central estão expandindo. Isso fez com que nós também expandíssemos algumas modalidades de policia-mento. O ostensivo a pé, que antes ficava concentrado em algumas ruas, está expandindo-se para áreas um pouco além da região central”, revela o Tenente.

Furto de veículos em queda nas áreas central e oeste
Em 2012 houve redução em mais de cem casos. Ao longo de 2011, foram cerca de 500 ocorrências, ante aproximadamente 400 registradas no ano passado. “O contingente da PM em São José é de mais de mil homens. Em nossa Companhia mantemos um efetivo muito bom, que aliado à gestão administrativa com planejamento operacional, serviço de inteligência, distribuição eficiente de viaturas e operações realizadas contribuem para a queda de todos os índices”, expõe.

Ruas Santa Clara e Teopompo de Vasconcelos
Antes tradicionais pontos de furto de veículos, as Ruas Santa Clara e Teopompo de Vasconcelos não registram mais esse tipo de crime. “Não há mais furto nem roubo nessas ruas. Tem uma câmera do COI na esquina da Paulo Becker com a Santa Clara. Isso é um fator inibitório, fora o policiamento que faz ronda constantemente nesses pontos. O marginal vai agir onde está mais fácil, onde há oferta grande”, frisa.

Levantamento diário de carros furtados
“Aqui na nossa área fazemos levantamento de furtos de veículos diariamente. Migramos o policiamento conforme esses índices. A criminalidade é mutante e a PM também faz essa mutação. A parte tecnológica contribui muito, como a instalação de câmeras. Iluminação pública também é importante.     Enviamos constantemente relatórios para a prefei-tura solicitando iluminação em determinadas vias. Não existem atualmente pontos específicos que concentrem furtos de veículos”, revela o 1º Tenente Alain.

Prisão do “Thor” na Vila Adyanna
Um usuário de crack que vinha cometendo uma série de delitos em comércios foi preso recentemente na Praça Melvin Jones. Apelidado de “Thor”, já que quebrava vitrines com um martelo, ele foi flagrado por câmeras. “Ele trocava de camisa para dificultar e a câmera foi fundamental para conseguirmos prendê-lo”, diz o Tenente.

Abordagens em usuários
Por ser uma região forte economicamente e estar situada entre duas favelas (Banhado e Santa Cruz), é rotineira a presença de dependentes químicos vagando pelas ruas, pedindo esmolas em semáforos e padarias. “A PM faz a ação que lhe compete: vai e realiza a abordagem. Muitas vezes o usuário já tem passagens pela polícia, mas em casos de furto o individuo é posto na rua rapidamente devido à legislação brasileira. Teve casos em 2012 de indivíduos que foram presos oito vezes em flagrante por furto. A PM aborda, mas se o cidadão não está com flagrante, nem de furto ou entorpecente, a PM tem uma limitação legal de atuação”, frisa. No entanto, a situação muda se o usuário agir como flanelinha. “Aí caracteriza uma contravenção penal. É preciso verificar se o indivíduo tem registro na Delegacia Regional do Trabalho como guardador ou lavador de veículo, que é uma profissão regulamentada. Se ele não tiver, é exercício ilegal da profissão. Se a pessoa colocar cone na rua para guardar vaga é constrangimento ilegal, onde também há atuação. Caso contrário o cidadão tem o direito de ir e vir garantindo pela Constituição”, explica o policial.

Força Tática Regional
Não atua nas regiões central e oeste de São José dos Campos. “Não é necessário. Ela atua onde há maior demanda. Aqui não é necessário”, relata o policial.

“É uma área territorial bem extensa, com muitos bancos e comércios e uma população flutuante muito intensa. Estamos muito bem com relação à criminalidade, é uma região que se encontra tranquila devido aos recursos, planejamento estratégico e distribuição das viaturas”, explica o policial. Conforme o entrevistado, o centro apresenta duas peculiaridades: quando o comércio está aberto e depois do horário comercial. “De noite, o fluxo de pessoas ‘adormece’. Então vamos atuar junto aos usuários de crack. Isso é um problema social, mas o que compete às ações policiais nós fazemos, como abordagem e verificação de delitos”, relata.

Esplanada é um bairro tranquilo
“Registramos recentemente um único assalto à residência. Prendemos o autor e recupe-ramos o veículo que havia sido levado. Houve uma mudança no perfil do bairro, que antes era estritamente residencial e hoje contempla grandes pontos comerciais como as avenidas Rio Branco e Anchieta.”

Também conhecida como “Cruzeiro do Sul”, a Praça Sinésio Martins é um tradicional local de consumo de entorpecentes no Jardim Esplanada. “A PM faz abordagens rotineiramente na praça. Quando pegamos usuários com entorpecentes, eles são levados ao distrito”, conta. Segundo o Tenente, o início das aulas em escolas do Esplanada e o fim do horário de verão ocasionaram reforço do policiamento no bairro. “Há uma grande concentração de veículos e movimentação de estudantes”, diz.

Lei Seca
A Polícia Militar vem realizando operações constantemente em horários pré-determinados, principalmente na Avenida Anchieta. “Os índices da lei foram reduzidos. Caso o motorista não queira assoprar, existe a prova testemunhal, que atesta o uso do álcool. No etilômetro qualquer nível acima de 0,05 miligrama de álcool por litro de sangue (que equivale a meio copo de cerveja) a 0,34 resulta em multa de R$ 1.915,40 e suspensão da carteira por um ano. Se der acima de 0,34 o motorista vai responder pelo crime de embriaguez ao volante. Vamos continuar com essas operações semanalmente. Tivemos vários casos de embriaguez. A gente busca sempre o bem maior: proteger a vida. A lei é benéfica, é forte. É para o motorista não beber absolutamente nada, nem um copinho. Tomar vinagre, essas coisas, não adianta nada, não engana o etilômetro, que é preciso”, conta o Tenente.

População deve fazer o seu papel
“Grande parte da população não se preocupa com sua própria segurança, deixa vidros dos carros abertos, leva muito tempo para entrar no portão de casa, deixa a chave no carro ligado, dentre outros deslizes. A segurança é dever do estado, responsabilidade de todos. As pessoas têm que adotar uma postura proativa e preventiva com relação à sua própria segurança”, recomenda o policial.

LIFE | oeste - Publicado 07:44 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.