Servidores comissionados da Câmara e prefeitura têm exoneração requerida à Justiça pelo MP

Promotoria entende que cargos foram ocupados de forma irregular; sem exigência de curso universitário nem a devida qualificação técnica

O Ministério Público está de olho nos servidores comissionados mantidos pela Câmara Municipal e prefeitura. A promotoria solicitou que todos os funcionários que se enquadram nesta situação sejam exonerados. A ação foi protocolada no final de 2019 e não possui prazo para ser julgada.

Câmara

Conforme o MP o legislativo joseense possui mais de 286 funcionários comissionados, sendo 21 na parte administrativa. Na visão do MP os cargos comissionados só podem ser criados para funções de direção, chefia e assessoramento.

Prefeitura

De acordo com o MP a ação segue os mesmos moldes da Câmara: cargos técnicos deveriam ser preenchidos por servidores concursados. A promotoria pede a anulação dessas nomeações e determina a exoneração definitiva dos comissionados.

Outro lado

A Câmara informou que tem 234 pessoas no total, sendo 87 deles efetivos da Câmara e 147 comissionados – os números usados como base pelo MP estariam defasados. A Casa disse também que o último concurso foi feito em 2018 e que foram preenchidas 26 vagas.

Já a prefeitura afirmou que ” foi intimada da ação e está no prazo para apresentar defesa e que encaminhará todas as informações complementares que irão demonstrar que os cargos atendem às exigências legais e estão de acordo com a Constituição Federal”.

 

LIFE | cotidiano - Publicado 17:24 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *