Em reencontro, Verdão empata de novo com Coritiba em 1 a 1!

Palmeiras abriu o placar no começo do jogo com Patrick – quem diria. Com resultado favorável, time recuou demais e sofreu justo empate no segundo tempo. Verdão não consegue sequência favorável!

Os ataques adversários vão eternizando mais um goleiro no Palmeiras. Nesta quarta-feira, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Couto Pereira, o Coritiba pressionou o Palmeiras durante toda a partida, mas goleiro Bruno evitou a virada e, consequentemente, a sexta derrota na competição. Sendo assim, o empate em 1 a 1 prevaleceu.

Logo aos 5 minutos da primeira etapa, Patrick abriu o placar. Depois de muita pressão e milagres de Bruno, Anderson Aquino deixou o banco de reservas para garantir o empate do Coxa. Apesar da estreia de Obina, o Palmeiras ptraicamente não atacou nos minutos finais da partida e tomou muito sufoco dos donos da casa.

Apesar da tentativa, o Coritiba emplacou a quinta partida sem vitórias e ficou com a 15ª colocação com oito pontos. Com apenas uma vitória na competição, o resultado foi pior para o Palmeiras, que ainda segura a vice-lanterna da tabela de classificação com apenas sete pontos. A única vitória foi contra o Figueirense, pela sétima rodada, na Arena Barueri.

Partida
Com diversos desfalques, o Palmeiras começou os primeiros minutos fechando a marcação e esperando o Coritiba tomar a iniciativa. Mas na primeira oportunidade que teve os comandados do técnico Felipão não vacilaram. Lentamente, o Palmeiras foi chegando com troca de passes na entrada da grande área. Bola rasteira, cruzada da esquerda, Betinho tentou e Patrick, revelação da base, pegou a sobra e mandou um chutaço no canto esquerdo do goleiro Vanderlei, surpreendendo o Coritiba logo aos cinco minutos.

Depois do gol, o Coritiba continuava com a maior posse de bola, mas ainda sem objetividade. A lentidão do ataque coxa branca era tanta que o goleiro Bruno fez a primeira defesa só aos 18 minutos. Bola alçada na área, mas Rafinha cabeceia fraco e facilita a defesa de Bruno. Na resposta, o Palmeiras quase ampliou. Mazinho subiu até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Fernandinho. Na primeira trave, o volante chutou forte, mas a bola foi desviada e saiu pela linha de fundo.

Aos 23, o Coritiba balançou as redes, mas o gol foi anulado. Ayrton lançou a bola na área e Pereira cabeceou forte. Bruno espalmou e no rebote o próprio zagueiro chutou para as redes, mas a zaga do Palmeiras adiantou a linha, deixando o ataque do Coxa impedido. Ainda com a maior posse de bola, o Coritiba chegava ao ataque sem objetividade e nem assustou quando chegou aos 33. Depois do bate e rebate dentro da área, Everton Ribeiro pegou a sobra, mas sem grandes pretensões, praticamente, recuou para o goleiro Bruno.

‘São Bruno’
Com a cabeça enfaixada, depois de uma divida, Everton Costa quase ampliou o placar, mas ‘São Bruno’ estava lá e praticamente operou um milagre. Da esquerda, Rafinha mandou a bola na área e achou Everton Costa. O atacante cabeceou para o chão, mas o goleiro Bruno, com os pés, faz praticamente um milagre.

Segundo tempo
Para tentar melhorar a criação das jogadas, o Coritiba promoveu as entradas de Anderson Aquino no lugar do lateral-esquerdo Lucas Mendes, que voltou depois de lesão, e o meia Lincoln no lugar do volante Willian. Mas ao invés da criação, o Coxa chegou com perigo em contra-ataque. Lincoln lançou Anderson Aquino, que rapidamente fez bom lançamento para Rafinha, dentro da área. Mas o meia se atrapalhou ao tentar dominar a bola e acabou perdendo a chance de empatar, na cara do gol.

Na pressão, o Coritiba amadurecia o gol a cada minuto. Aos 21, depois de um bate e rebate dentro da área, Pereira pegou a sobra e chutou fraco para Betinho salvar o Palmeiras em cima da linha do gol. Mas aos 22, a chegada foi fatal. Aos 22, Lincoln caiu na área depois de cruzamento de Rafinha, mas o árbitro mandou o lance seguir. Enquanto alguns jogadores do Coxa ainda reclamavam, Thiago Primão, que entrou no lugar de Everton Costa, lançou na área e Anderson Aquino desviou de cabeça para deixar tudo igual: 1 a 1.

Apesar da desorganização no meio de campo, o Coritiba continuava pressionando, mas esbarrava na zaga do Palmeiras. Mantendo o mesmo esquema, o técnico Felipão promoveu a estreia do atacante Obina, aos 29, no lugar de Betinho, que passou apagado na partida. Em sua primeira participação, o jogador sofreu uma falta perto da grande área. Na cobrança, Felipe bateu no ângulo esquerdo, forçando Vanderlei a fazer uma boa defesa. Na resposta, o Coritiba quase vira com Emerson, mas foi a vez de Bruno salvar. O zagueiro mandou uma pancada para a boa defesa do goleiro palmeirense, deixando o placar tudo igual no Couto Pereira.

Próximos jogos
Esperando a volta de alguns jogadores, o Palmeiras recebe o Náutico, na Arena Barueri, no próximo domingo, às 16h, pela 11ª rodada do Brasileirão. Enquanto o Coritiba visita o Bahia, em Salvador na Arena Pituaçu, também no domingo, mas às 18h30. Uma derrota do Bahia pode culminar na demissão do técnico Paulo Roberto Falcão, que não vence a cinco jogos.

 

 

 

LIFE | cotidiano - Publicado 13:20 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *