Casal vai ao encontro de comprador de veículo e tem moto roubada em Caçapava

Negociação, que começou pela internet, visava a troca da moto por um carro. Menor de idade foi preso

Na era digital o consumidor precisa ficar atento a golpes e crimes, que são cometidos das mais variadas formas. Um casal que pretendia trocar a moto por um carro acabou sendo roubado no início da madrugada desta terça (21).

A negociação teve início pela internet. Enquanto o casal conversava com o suposto dono do carro, um adolescente, de 16 anos, chegou e anunciou o roubo – que foi cometido no bairro Residencial Esperança, em Caçapava. Um celular também foi roubado. Segundo a Polícia Militar, o roubo ocorreu à 0h17.

Os criminosos, segundo a PM, já eram conhecidos  pela prática de diversos crimes. Apenas um deles foi localizado e detido; ele confessou o crime, mas disse que o celular e a motocicleta ficaram com o comparsa.

O adolescente foi liberado para a mãe. O parceiro é procurado pelas autoridades.

Veja também

Construções em área da União são demolidas por determinação judicial na avenida dos Astronautas

 

LIFE | cotidiano - Publicado 11:10 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Casal vai ao encontro de comprador de veículo e tem moto roubada em Caçapava

  1. Marcelo Martins disse:

    O adolescente foi liberado!!
    Até quando vamos aceitar que menores de idade pratiquem crimes e saiam impunes?
    Os que são contra a redução da maioridade penal alegam que um adolescente não tem consciência do que está praticando. Vocês acham mesmo que esse adolescente não sabe o que está fazendo?
    Até quando teremos que tolerar a impunidade ?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.