Terremoto na Argentina é sentido por moradores de São José dos Campos

Leitores do Jardim Esplanada, Vila Ema e Aquarius garantem que sentiram um leve abalo em seus apartamentos

Foto Life

Um tremor de terra na província argentina de San Juan foi sentido em várias regiões da Argentina e Chile na noite desta segunda-feira (18). Moradores de São José dos Campos também garantem que sentiram um leve abalo em seus apartamentos. “Os lustres da minha casa começaram a balançar sozinhos, portas fecharam-se sem haver vento, pouco antes da meia noite. Uma pena eu não ter filmado, fiquei assustado, mas não sabia o que era. Já vi alguns relatos de pessoas de Santos falando de lustres balançando também”, afirma o morador do 19º andar de um prédio situado no Vila Ema, Antônio Neto.
Outro leitor afirma que estava deitado no colchão em sua sala, no Esplanada, quando sentiu um pequeno tremor. “O quadro balançou. Foi perceptível. Nem sabia do terremoto na Argentina. Acessei a internet e daí dei conta de que havia percebido o tremor que ocorreu no país vizinho”, relata, Marcelo Correa.
“O lustre do meu quarto balançou muito no Aquarius”, relata uma moradora do Aquarius por rede social da Life.
Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), o sismo teve 6,4 graus de magnitude na escala Richter, com réplicas entre 4 e 5 graus de magnitude registradas mesma região momentos depois. Não há informações sobre feridos ou danos estruturais importantes até o momento. Os relatos indicam, porém, que móveis tremeram mesmo em regiões distantes do epicentro.

LIFE | cotidiano - Publicado 13:38 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *