LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Tarcísio aprova estudos para Trem entre SJC e SP

Compartilhe a Life Informa:

Previsão é que a viagem entre São Paulo e São José dos Campos dure cerca de 1h15, embora o tempo exato possa variar dependendo do traçado escolhido

Foto ilustrativa: Renato Lobo, Via Trolébus

O Governador Tarcísio de Freitas aprovou mais quatro projetos ferroviários no programa de investimentos da administração estadual, destacando-se o projeto do Trem Intercidades que ligará São Paulo a São José dos Campos. Este projeto é uma grande notícia para os moradores de São José dos Campos, que poderão contar com uma nova opção de transporte rápido e eficiente.

Fique por dentro de tudo o que acontece em São José dos Campos e região em nosso portal informa.life. Para ter a notícia mais rápida, junte-se ao nosso canal do WhatsApp ou aos nossos grupos de avisos rápidos.


A inclusão do Trem Intercidades São Paulo-São José dos Campos e São Paulo-Santos no pacote de concessões melhora a infraestrutura de transporte e oferece alternativas de mobilidade para a população. Além destes, os projetos de Veículos Leves sobre Trilhos (VLT) nas regiões de Campinas e Sorocaba também foram contemplados.

Os estudos para esses trechos, incluindo os novos eixos anunciados, estão a cargo da International Finance Corporation (IFC). A expectativa é que os leilões para esses projetos ocorram em 2027. Para o Trem Intercidades São Paulo-São José dos Campos, existem três possíveis rotas pelos trilhos da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM): a linha 11 (Coral), a linha 12 (Safira) ou a linha 13 (Jade), que também oferece conexão com o Aeroporto de Guarulhos.

A previsão é que a viagem entre São Paulo e São José dos Campos dure cerca de 1h15, embora o tempo exato possa variar dependendo do traçado final escolhido. Esta nova ligação ferroviária proporcionará uma alternativa rápida e confortável para os moradores de São José dos Campos que viajam frequentemente para São Paulo, seja a trabalho ou a lazer, reduzindo o tempo de deslocamento e contribuindo para a redução do tráfego nas estradas.

“A inclusão do Trem Intercidades São Paulo-São José dos Campos no pacote de concessões representa um avanço significativo para a infraestrutura de transporte do estado. Estamos comprometidos em oferecer opções de mobilidade mais eficientes e sustentáveis para a população,” afirmou o governador Tarcísio de Freitas.

Veja também

Nova pista na Dutra promete agilizar viagens entre SJC e SP

 

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos e Vale do Paraíba – SP.
Receba notícias na palma da sua mão, entre em nossos canais e facilite sua comunicação!
Para entrar no grupo Whatsapp: clique aqui
Nosso Novo Canal Whatsapp: clique aqui
Para entrar no canal Telegram: clique aqui 
Para seguir pelo Instagram: clique aqui
Para entrar no canal no YouTube: clique aqui
Denúncias, reclamações e informações:
Nossa redação 12 98187-2658

21 Respostas

  1. Espero que vingue! O Brasil é carente de transporte ferroviário, sobretudo por suas dimensões continentais. O transporte rodoviário sempre prevaleceu protegido!

    1. Se sair do papel é bom, mas não acredito devido tantas outras promessas em ano eleitoral, mas é positivo.

    2. 1h 15? no Japão, entre Odawara e Tóquio, em uma linha construída há 60 anos (que é uma distância semelhante), leva 30 minutos!

      1. Quanto mais acidentado o terreno e quanto mais curvas tiver no traçado, menor será a velocidade média.

        No projeto do Eixo Leste, o traçado com projeto mais econômico é usar a Linha 12 da CPTM e em Itaquaquecetuba seguir pelo traçado do Ramal do Parateí até São José. Esse traçado é mais longo, mas não exige construir novos trilhos, desde que se tenha acordo com a MRS Logística. Esse traçado, permite a abertura de estação intermediária em Itaquaquecetuba (Manoel Feio) e viabiliza uma estação em Mogi das Cruzes e Jacareí.

        A abertura de mais estações é fundamental para aumentar o número de usuários e assim reduzir o volume de subsídio estadual na tarifa.

  2. Espero que isso realmente saia do papel. A mobilidade ferroviária, quando bem implementada e gerida, é a mais viável economicamente e operacionalmente!

  3. Tenho 82 anos , sendo 60 de trabalhos para eletrificação de ferrovias e construção e reformas de vagões. Durante todo este tempo foram feitas promessas de construções de ferrovias, cujo custo benefício é Incomparável com rodovias . Até para manutenção e conservação a ferrovia tem uma enorme vantagem. Sem contar com os acidentes rodoviários , cuja causa traz bastante infelicidade a população .

  4. Faz mais de trinta anos que prometem um trem ligando SJC a SP!!! Talvez meus tataranetos vejam isso! Promessas pra enganar trouxa como sempre. Transporte público de qualidade nunca foi prioridade no Brasil.

  5. Custo a acreditar que se transforme em realidade, principalmente pela “credibilidade” que os políticos brasileiros passam aos seus eleitores.

  6. Seria interessante usar as Linhas 12 ou 13 da CPTM ou ainda se conectar a Estação Manoel Feio, para fazer a integração com as linhas da CPTM. Uma estação em Guarulhos, para facilitar o acesso ao GRU Airport e como a ideia é usar que o cobrei estadual vem levando mais a sério é usar o traçado do Ramal do Parateí, estações em Jacareí e São José, podendo se avaliar o prolongamento para Taubaté posteriormente. Não deve fugir muito disso.

  7. Está difícil de sair do papel o tal trem entre São Paulo e São José dos Campos, muita fumaça e pouco combustível para iniciar o projeto, está até desgastante, parece não ter assunto o governo, quer aparecer “faça”, somente é lembrando, quem é visto….avante Tarcísio

  8. seria bom,a volta dos trens ,desafoga a dutra e gera mais empregos,fora a paisagem.so tem qie ser trens com conforto.

  9. O trem deverá custar mais caro que uma viagem de avião de SJC para sp, vão ser o trem milionário sp x SJC, IPTU de São José e milionário e a gestão pública da cidade e a pior do mundo

  10. Continuamos na torcida para que aconteça, já estou com 60 anos e a promessa nada, acho que o governo atual não tem competência para tirar do papel, caso tenha e necessário que sp fique de olho nas licitações, Felício só fez merda em SJC infelismente, não se deu conta de fazer uma gestão que preste

  11. Prioridade no brasil e o desvio de dinheiro dos políticos para enriquecimento próprio e não projetos para melhorar a vida das pessoas, número 1, são José e uma vergonha a saúde pública, demora anos para se ter o atendimento de um simples exame que não seja o de sangue, vergonha, pessoas incapazes de fazer o básico, nem uma telemedicina que poderia adiantar a vida da população hoje a prefeitura não tem capacidade de implementar uma simples telemedicina para os cidadãos e por um especialista em casa bairro para dar saúde a população, são José tem um índice de pessoas com problema psiquiátrico altíssimo e ninguém da a mínima para isto, para que trem? Se um caniil para cachorros feito no mandato do Felício chegou a custar 1 milhão, o trem vai sugar todo trajeto

  12. A Dilma também prometeu trem bala interligando as cidades de SJCampos-Campinas-São Paulo. Criou até um Ministério para “viabilizar” o projeto, nomeou uma infinidade de petistas, e ficou só nisso. E os otários acreditaram. Kkkk

    1. Esse projeto da Dilma era inviável. Muitas intervenções em áreas densamente povoadas, exigiria a construção de trechos bem longos de túneis, especialmente na Serra das Araras e por causa do traçado escolhido, todo o trecho entre Jacareí e Lorena teria que ser feito com travessias elevadas.

      Existe o projeto do TAV Brasil, que está sendo conduzido pelo setor privado, em uma rota mais curta, sem continuar até Campinas e com menos conflitos com áreas urbanas. Se vão conseguir captar no mercado todos os recursos necessários para tirar do papel, é outra história, mas a rota escolhida em entraves bem menores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Nosso e-mail: contato@informa.life | 12 98187-2658
Life Informa | São José dos Campos – SP
Avenida Cassiano Ricardo, 601 / Sala 123
Edifício The One – Jardim Aquarius
São José dos Campos – SP – CEP 12.246-870