Sul Life: Corte de árvores em área de shopping chama atenção de moradores no Jd. Oriente

Extração tem autorização da prefeitura; compensação ambiental entra como contrapartida

Sul Life Corte de árvores em área de shopping chama atenção de moradores no Jd. Oriente
Corte de árvores em área de shopping chama atenção de moradores no Jd. Oriente / Foto: Leitor Life

Dezenas de árvores – dentre nativas e exóticas – situadas na área que hoje pertence a um shopping vêm sendo suprimidas no Jardim Oriente, zona sul de São José dos Campos. O corte drástico chamou a atenção de moradores da região, que passam diariamente pelo local. “São árvores centenárias, que estão sendo cortadas sem o menor respeito ao meio ambiente. Além da depredação vegetal, a área concentra diversas espécies nativas de animais, que certamente serão prejudicados com a supressão”, afirmou uma moradora.

Questionado pela reportagem, o estabelecimento comercial informou que age sempre dentro da legalidade e por essa razão, a supressão de árvores e as consequentes medidas compensatórias, correspondente à sua área, estão de acordo com a legislação aplicável, bem como plenamente autorizadas através dos processos administrativos municipais nºs. 87975/2021 e 93038/2021. O shopping comunicou também que será feita uma rua em parceria com a prefeitura.

Contatada, a secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade confirmou que a supressão de árvores na área citada nesta matéria foi autorizada em licença de supressão embasada por laudo técnico, assegurando ainda a medida compensatória no rigor da lei. A reportagem questionou onde será feita a compensação ambiental, mas não obteve resposta por parte da pasta municipal.

Veja também

Aquarius Life: Terreno onde ficará Atacadão tem 263 árvores cortadas

 

 

LIFE | sul - Publicado 15:15 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

21 thoughts on “Sul Life: Corte de árvores em área de shopping chama atenção de moradores no Jd. Oriente

  1. Scrlkend disse:

    Desculpe, mas essa narrativa parece hipocrisia.
    O poder econômico tem artimanhas legais para colocar abaixo árvores centenárias, inclusive da mata atlântica.
    O munícipe comum e o telhado e muro de sua casa não são levados em consideraçao quando se trata de solicitaçao para suprimir árvore “amendoeira” sem higidez, decadente, cujos galhos, finos e grossos, secam e caem.
    São distintamente dous pesos e duas medidas.
    Para uns a benesse das leis, para outros os rigores dela.

  2. Sandra disse:

    É incrivel tanta hipocrisia. A população do bairro deveria não deixar fazer está supressão sem verificar tudo comparecer acima.

    • Jorge Eduardo disse:

      Pessoas hipócritas, reclamam de tudo… Cortaram centenas de arvores ninguem disse um piu…
      Serão compensadas cada árvore por no minimo 11. O progresso precisa continuar.
      Garanto que quem reclama faz as compras la.

  3. Maria disse:

    Concordo, é um absurdo moro aqui no jardim oriente e as árvores de uma escolinha pretinho, as árvores estão imensa já pedimos para pelo menos podar, e sempre dizem que não pode, morro de medo delas caírem em cima da escolinha se isso acontecer irá morrer muitas crianças e a prefeitura está se preocupando com isso, jamais, o que realmente manda nesse mundo é o dinheiro prova disso é o shoppings

  4. Ismael disse:

    Infelizmente o dinheiro ou a falta dele é que evidencia quem você é, no entanto temos que nos lembrar que um povo unido pode ser ouvido pela força que ele tem como se fora um elo de corrente,esse é o único meio de desses poderosos temerem a população…

  5. Peterson disse:

    Me parece que essa derrubada, está sendo feito uma implantação corredor de ônibus, ao lado do shopping.
    E existe uma outra situação, o terreno do shopping é propriedade (Particular)de uma antiga fábrica, que está sendo feito melhorias internas.

  6. Jr Moura disse:

    A mais pura realidade, os munícipes não conseguem autorização para retirada de árvores centenárias e etc, que estão danificando às calçadas, telhados, tortas e adentrando sua propriedade e a empresa referida consegue praticamente desmatar e a história é que vai haver compensação, mas e a flora e a fauna do local, os animais serão realocados aonde? Como tudo nesse Brasil quem tem dinheiro sempre resolve os seus problemas.

  7. Machado disse:

    Todos sabem que dinheiro compra, o Brasil não é um país de em repositório a lei o olho brilhante mais ao ver as verdinhas, um país que se vê liberal mais monopolista a favor de quem com poder joga compra fiscalização e leis mas a tal transparência sempre é oriunda de dissimulação e em baixo panos duvidosas .mas é a falsa moralidade de instuicao política municipal, estadual que vem e exemplificando o quanto o Brasil bao mudara jamais.

  8. Paula disse:

    Mais um absurdo dessa administração. Aonde estão os laudos da secretaria do meio ambiente (urbanismo e SUSTENTABILIDADE..) que atestem a necessidade dessa supressão?? Ou só interessa oque está sendo “compensado” para a secretaria ou seus representantes??? Onde e quando será feita a compensação? Cadê esses documentos, assinados por quem???
    Total descaso desse felixo que banca obras, mal projetadas em detrimento da população e sua necessidade…
    Vergonha!!!
    Indignada!!!

  9. Iriva Silva disse:

    Pois é…….quem vive a muito tempo nesta cidade vai saber do que vou falar, a verdade é que o segundo mandato que o Sr. Felício fez questão de abandonar, não por aspirações de fato no governo estadual ( nunca teve e nem vai ter chance), mas sim por incompetência administrativa ( desviou do projeto ), está dando fim ao acerto administrativo que a cidade vivia desde a Dr. Ângela, e passando pelo inesquecível Emanuel, e está dando início a era Robson/Bevilacqua, a era da incompetência, da irresponsabilidade e do total abandono da administração pública, preparem-se para o descaso e o desmonte da cidade, desemprego e o fim do que já foi bom.

  10. Paulo Luz disse:

    É simples, parem de votar no Felicio e dar lucro a este grupo econômico que só pensa em lucro. Boicotem o shopping e Felicio.

  11. Joseney Schluckebier Monteiro disse:

    Vdd, p q só cortam árvores na frente das casas de munícipes depois q telhados e muros são destruídos?? Essa tal “compensação” não deve ser em forma de plantio de mudas. Coisa bem típica entre poder econômico/financeiro e governo. NÔJO DESSE PESSOAL.

  12. Demétrio Reis da costa disse:

    Quem está contra me diga quantas árvores centenárias tem dentro do terreno de vcs ? Ou para construir suas casas cortaram todas ? Hipocrisia é uma bosta eu posso falar tenho árvores no plural na frente de minha casa jardim e uma propriedade de 7 alqueires aonde 4 são de mata nativa muito acima do que a lei me permite desmatar .

  13. Kassio disse:

    Absurdo mesmo é um bando de Zé povinho que adora ir ao Shopping, faz um monte de merda por falta de conhecimento, so sabe atrapalhar a vida alheia porque não encontra algo útil pra fazer.
    Um bando de Jumentos empacados.
    E ainda chamam os outros de Hipócrita?
    Vão caçar o que fazer.

  14. Antonio Barelli disse:

    É assim que funciona. Começa pelo governo federal que libera tudo sem licenciamento ambiental. Como diz vamos aproveitar e “passar a boiada”. E ai escada vem descendo até as prefeituras. Com a desculpa da modernidade logo nem uma árvore de pé terá!

  15. JOSMAR AUGUSTO FONSECA BARBOSA disse:

    Quanto mimimi….
    Quantos empregos geram este shopping?
    Quantos negócios diretos e indiretos?
    Existe a medida compensatória, vamos investigar sobre a medida compensatória ao invés de tentar embarreirar o progresso!

    São José sobreviveu à incomPTência da Dra Ângela (já que’alguém’ trouxe o lixo à tona) e vai sobreviver ao (in)Felício também.
    Larguem seus políticos e abracem sua cidade. (Cuidado para não ficarem iguais aqui (Rio de Janeiro) onde o menor dos problemas são as árvores).

  16. Marcos Lunato disse:

    Povo reclama das árvores mas adoram passear e gastar no shopping. Deixa eles derrubarem, a compensação vem com mais empregos , valorização dos imóveis e modernização do bairro. Contanto que plantem árvores em outro local, tudo certo!!
    E pra quem não sabe , ali no shopping Oriente será o novo Poupatempo de SJC.

    • Scrlkend disse:

      Diversidade de opiniões é um bom sinal.
      O problema é que alguns opinam sem conhecimento de causa.
      Deveriam ser plantadas “mudas” de plantas em outro (s) local para “compensar ” o abate de frondosas árvores que ali estavam há décadas, abrigando sua fauna.
      As mudas levarão décadas para se desenvolverem e pelo menos cinco anos para abrigar um percentual de vida animal.
      Mas… em outro local
      Porém esse projeto existe ?Fou implantado ? Ou só consta nos termos de ajustamento de conduta_TAC?
      Não veio a público. É uma incógnita.
      Petcebeu do que estamos falando?
      Que parte não entendeu?
      Quer que desenhe?

  17. Scrlkend disse:

    Outro detalhe: os riscos ambientais têm que ser rigorosamente levados em consideração antes do MP lavrar os termos.
    Foram ? A Secretaria de Meio Ambiente agiu com lisura e dentro dos limites legais?
    Por quê não apresentou ao público a documentação ?
    Entenderam do que estamos falando ?
    Que parte não entendeu ?
    Quer que desenhe 🤡

  18. Rodolfo Alexandre de Moraes disse:

    E verdade tenho uma árvore aqui que caio c as chuvas de dezembro e ate agora a prefeitura não veio retirar os troncos que ficou sou de Jacareí mais aqui e a mesma coisa se empresa de posses pode munícipe comum não dão a mínima

  19. Lucia castralli disse:

    Por que não se cogitou coadunar o empreendimento com o meio ambiente? Isso é perfeitamente possível. Fiquei inconformada com essa indiscriminada derrubada de árvores centenárias. Os prejuízos ambientais são inestimáveis!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.