Síndrome de fim de ano: stress e festas podem prejudicar o coração

Derrames e ataques cardíacos são mais comuns nessa época, mostra pesquisa que confirma os índices apresentados pelos prontos-socorros: as celebrações aumentam os casos de ansiedade e depressão

Nem todas as pessoas têm conhecimento, mas os exageros habituais do final de ano tendem a comprometer gravemente a saúde. Excessos de comida e bebida alcoólica, gastos além da conta, stress, depressão e a obrigação de parecer feliz nas comemorações de natal e ano novo podem estimular problemas de saúde.

Quem já tem hipertensão, arritmia ou depressão, por exemplo, corre mais risco de sofrer um derrame ou ataque cardíaco como consequência do que os americanos chamam de “hollyday heart syndrome” (síndrome de fim de ano).

Mas qualquer um pode ter um ataque nessa época devido ao stress e à alta descarga de adrenalina. A lista de problemas de saúde ainda inclui doenças circulatórias, gastrointestinais e insônia. A “obrigação” de estar bem – aliada às mensagens onipresentes de felicidade – gera ansiedade.

Segundo pesquisa da International Stress Management Association, feita em 678 pessoas de 25 a 50 anos, o estresse individual aumenta 75% e atinge 80% da população no período que vai da última semana de novembro até o fim de dezembro. Por isso, nos prontos-socorros há aumento dos casos relacionados à ansiedade e depressão.
Para se ter uma ideia, no CVV (Centro de Valorização da Vida) o número de ligações sobe 20% ao longo dos últimos meses do ano. As fontes de stress e da piora do quadro de depressão envolvem expectativas não atingidas em relação aos presentes e às festas, sobrecarga de funções e atividades, solidão, frustração e culpa ao fazer um balanço negativo do ano que termina.

As emoções e as recordações do reencontro familiar, positivas ou negativas, também podem ser um gatilho. Conforme relato da pesquisa, uma senhora de 76 anos ficou tão emocionada com a presença de parentes na festa e a exibição de fotos antigas da família que sofreu um acidente vascular cerebral.

O que afeta a saúde no final de ano:

– Excesso de bebida alcoólica pode trazer problemas ao fígado

– Excesso de comida, gordura e sal pode causar problemas gastrointestinais

– Muitas emoções positivas e negativas podem desencadear um derrame

– Estresse e depressão causados pelo período podem provocar problemas cardíacos, especialmente entre hipertensos

Complicadores:

– Gastos mais elevados do que o planejado

– Expectativas frustradas sobre festas e presentes

– Ansiedade pela “obrigação” de se sentir bem nessa época

Recomendações:

– Evite a obrigatoriedade de novos planos e uma “vida nova” em 2018

– Tente Relaxar. Evite cobranças de si próprio. Reserve alguns minutos do dia para ouvir música, praticar esportes e passear no parque. Dedique-se às atividades que lhe dão prazer. E lembre-se: amanhã é um novo dia.

– Você não precisa impressionar ninguém. Ano que vem ocorre tudo novamente.

LIFE | saude - Publicado 08:22 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.