Revolução no transporte, Linha Verde tem contrato assinado e 12 VLPs comprados!

Vínculo é oficializado nesta quarta (29). Compra de 12 Veículos Leves sobre Pneus custa R$ 34,7 milhões; obras para interligação das regiões leste e sul mais R$ 55,8 milhões

Ilustração PMSJC

Novo modal de transporte em São José, a Linha Verde teve o seu contrato assinado nesta quarta (29). A prefeitura vai desembolsar R$ 90,5 milhões na implantação do corredor viário que interligará as regiões leste e sul. O contrato de aquisição de 12 Veículos Leves sobre Pneus (VLPs ) também foi oficializado. A Linha Verde tem custo de R$ 55,8 milhões, – sendo R$ 30 milhões de aporte do governo estadual.
O contrato abrange a primeira fase do projeto, que terá início na Estrada do Imperador, no Campo dos Alemães (região sul), até o Terminal Intermunicipal, no centro. O VLP é uma composição de transporte com motorização elétrica que roda sobre pneus e é guiada por um trilho central, que fica sob o pavimento. Pode ser considerado um VLT (Veículo Leve Sobre Trilhos) com pneus. As obras aguardam as licenças ambientais da Cetesb para serem inicializadas. Os VLPs custam R$ 34,7 milhões e serão adquiridos por uma multinacional chinesa que tem sede em Campinas. ‘A primeira etapa está garantida. Na segunda precisaremos de mais veículos e novas obras com mais licitações para o futuro. Esta primeira etapa tem 14 km e liga a zona sul, que concentra 40% da população de São José, à região central’, afirmou o prefeito, Felicio Ramuth.
De acordo com a prefeitura, R$ 10 milhões do investimento virão do dinheiro arrecadado pela nova Zona Azul da cidade. ‘Estamos transformando o dinheiro do transporte individual para o transporte público’, completou Felicio.
Os dois contratos têm validade de um ano e meio.

Conheça o projeto
O eixo sustentável de 75 mil metros quadrados, que inclui quatro praças, vai contribuir para a criação de novas centralidades, estimulando o crescimento do setor imobiliário, aquecendo a economia e gerando empregos com a expansão de novos empreendimentos, além de interligar alguns dos principais centros comerciais da cidade, caso de Center Vale Shopping, Vale Sul Shopping e Shibata Supermercados.
A Linha Verde também vai beneficiar os estudantes, que frequentam diariamente as universidades instaladas ao longo do trajeto, caso de Anhanguera, Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), Fatec (Faculdade de Tecnologia de São José) e Unesp (Universidade Estadual Paulista). Além de oferecer melhores serviços ao ecossistema de inovação, aproximando o Parque Tecnológico da cidade.
O distrito industrial Chácaras Reunidas e o Centro Empresarial Eldorado terão acesso mais facilitado, beneficiando trabalhadores e o setor produtivo do município.
Os ciclistas também serão beneficiados. O corredor terá a maior ciclovia já construída na cidade. Das áreas remanescentes, 5% serão destinadas ao Programa Habitacional, beneficiando quem mais precisa.
O projeto ainda cria o Anel Viário Leste, uma nova via que permitirá a interligação de toda a cidade ao Parque Tecnológico, sem a necessidade de uso da Via Dutra.
Jacareí e Caçapava, situadas nas duas pontas da Linha Verde, também ficarão mais interligadas.
Os investimentos estão sendo negociados com Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

LIFE | cotidiano - Publicado 15:50 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Revolução no transporte, Linha Verde tem contrato assinado e 12 VLPs comprados!

  1. Bruno disse:

    Duvido que isso saia do papel! Só sairá se houver muita, mas muita propina!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *