Policiais militares do 3°Baep são indiciados pela morte de ex-líder do PCC

Ambos os policiais estão afastados de seus cargos

Foto: Life Informa

Dois policiais militares, um sargento e um cabo do 3º Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) de São José dos Campos foram indiciados por homicídio doloso e fraude processual pela morte do traficante Lúcio Monteiro Cavalcante, ex-líder do PCC, uma das maiores organizações criminosas do Brasil. Os policiais alegam ser inocentes e afirmam ter atirado em Lúcio por legítima defesa, após o traficante ter atirado contra uma viatura do Baep por ter sido parado pelos agentes na região central de São José, em março de 2017.

De acordo com a investigação da Polícia Civil, a perícia feita nas armas dos policiais, no corpo do traficante e na cena do crime, derrubou a versão dos militares, que não aceitaram participar da reconstituição do crime. O caso já foi enviado ao Ministério Público e os policiais podem ir a Júri Popular.

Em nota, a Secretaria de Estado da Segurança Pública informou que ambos os policiais estão afastados.

 

LIFE | cotidiano - Publicado 09:32 | -

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Policiais militares do 3°Baep são indiciados pela morte de ex-líder do PCC

  1. Rubens Filho disse:

    Puta sacanagem. Líderes ou ex , não interessa. É PCC e tem que abraçar o KApETa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.