LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Parque da Cidade será entregue à iniciativa privada

Compartilhe a Life Informa:

Prefeitura estima investimento de R$ 181 milhões em projeto que contempla atrações como teleférico, roda-gigante, teatro, cinema, pista de ciclismo e museu

Parque da Cidade será entregue à iniciativa privada
Parque da Cidade será entregue à iniciativa privada / Foto: Adenir Britto/PMSJC

Uma das principais atrações turísticas e de lazer do município de São José dos Campos também será entregue à iniciativa privada. Assim como a Arena Municipal de Esportes e o estádio Martins Pereira, o Parque da Cidade, situado na zona norte, será concedido à empresas interessadas em assumir sua administração.

A cerimônia de apresentação do projeto foi realizada nesta quinta (1) nos galpões da antiga Tecelagem Parahyba e reuniu autoridades municipais e estaduais. A proposta prevê investimento privado de R$ 181 milhões, sendo R$ 101 milhões nos três primeiros anos. E o restante ao longo de 25 anos.


O Estado deve investir R$ 100 milhões no projeto para restauro pavilhões, além dos R$ 12 milhões já liberados para reforma do telhado da Fundação Cultural Cassiano Ricardo. A prefeitura deve investir R$ 79 milhões na obra do novo complexo da avenida Sebastião Gualberto.

O vencedor do edital poderá construir centro equestre com hípica para eventos e provas, restaurante, mall, novo teatro com 902 lugares, museu Olivo Gomes e Burle Marx, Casa do Lago, roda gigante, trilhas e passarelas elevadas, teleférico, lanchonete, trilha para caminhada, uso do rio Paraíba, Centro de Convenções e Eventos, Sala de Cinema e lojas, trilhas de montain bike, bóia-cross e stand-up paddle, pista de ciclismo e arborismo e muito mais.

Patrimônio histórico

A concessão do parque, que é tombado pelo Condephaat e pelo Iphan, vai preservar a diversidade de espécies vegetais e a belíssima paisagem composta por jardins, palmeiras imperiais, lagos, ilhas artificiais, bosques e alamedas. Incluindo os jardins, de autoria de Roberto Burle Marx, e a Residência Olivo Gomes, projetada por Rino Levi. O espaço foi transformado em parque municipal em 1996. As informações foram divulgadas pela prefeitura.

Veja também

Apenas dois vereadores têm 100% de presença em sessões da Câmara em São José

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos e Vale do Paraíba – SP.
Receba notícias na palma da sua mão, entre em nossos canais e facilite sua comunicação!
Para entrar no grupo Whatsapp: clique aqui
Nosso Novo Canal Whatsapp: clique aqui
Para entrar no canal Telegram: clique aqui 
Para seguir pelo Instagram: clique aqui
Para entrar no canal no YouTube: clique aqui
Denúncias, reclamações e informações:
Nossa redação 12 98187-2658

23 Respostas

    1. Um ótimo investimento para quem ganhar a concessão né? Pq para todo o restante da população será péssimo. Não tem um motivo sequer que justifique uma barbaridade dessas. Não tem um motivo….
      Bom, bom mesmo, é viver em São José!!!

  1. Mais um PATRIMÔNIO QUE PERTENCE A POPULAÇÃO JOSEENSE QUE FOI PAGO COM NOSSOS IMPOSTOS SERÁ ENTREGUE A INICIATIVA PRIVADA. NÓS CIDADÃOS SO PODEREMOS UTILIZAR O PARQUE SE PAGARMOS PARA ENTRAR. ISSO E UM ABSURDO UM PQ QUE E TOMBADO E PERTENCE A NÓS. VAI SER IGUAL A ARENA QUE FOI CONSTRUIDA COM NOSSO DINHEIRO, VERIFICA SE A GENTE PODE ENTRAR LA OU UTILIZAR O ESPAÇO QUE FOI PAGO COM NOSSO DINHEIRO. NEM OS BANHEIROS LA VC TEM DIREITO DE UTILIZAR. UMA PALHAÇADA TOTAL. Não concordo com este tipo de ação. Quem perde somos nós. PERDEREMOS.NOSSO LINDO PARQUE PARA OS EMPRESARIOS.

    1. A gestão de direita em São José dos Campos,me faz lembrar da desastrosa gestão bolsonarista,que queria entregar o Brasil a capital estrangeiro,bem não foge muito do gabarito, nós joseenses tínhamos o privilégio de passear com nossas famílias no domingo ,naquela área única e rica em natureza,agora vamos ter que pagar para pisar na grama,que é nossa,absurdo é pouco,mas porque deixar a população usufruir,se podem nos arrancar dinheiro,que na verdade é o sentido que mais interessa aos políticos em si…

    2. Mais um patrimônio cultural transformado em circo. Deixam de gastar uns milhões em manutenção e ainda levam outros para garantir os próprios salários. O glorioso Ramuth tem a chance de contruir mais um inútil elefante branco, bem no meio do parque.

  2. Faltou a reportagem fazer a seguinte pergunta: Hoje, a pessoa pode entrar todo o dia sem pagar a entrada. Como ficará depois? Somente os dispositivos serão pagos ou tudo será pago inclusive a entrada no parque?

  3. E depois que se tornar uma área privada o munícipe ainda terá livre acesso gratuito para contemplar toda essa beleza?

  4. Mais uma cagada que estão fazendo em ano eleitoral, é mais uma armadilha que essa carniça podre de gestão está fazendo para enganar o povo, é fazer o munícipe de palhaço com uma farsa dessa que tem tudo para dar errado somente pensando nas eleições.

  5. O conceito da privatização é hipócrita. Usam dinheiro público para construir, e cobram nos impostos o dinheiro necessário para a manutenção do patrimônio público. Quando o patrimônio público é concedido à iniciativa privada, continuamos pagando pela manutenção no imposto nosso de todo dia, e ainda pagaremos ingresso, taxa, pedágio, tarifa, etc para usar aquilo que um dia foi construído com o dinheiro dos contribuintes.

  6. Vai acabar com o parque e com a graça do lugar deve ta vendendo o parque para pagar campanha eleitoral só pode.

    1. Juntar a população na frente e exigir o cancelamento. Mas não adianta só meia dúzia de gatos pingados.

    2. As construtoras estão de olho. Quando a privatização for feita e der tudo errado (não ter público, não ter dinheiro para manter, etc), ao devolver para a prefeitura daqui alguns anos, ela alegará que ficou ‘inviável financeiramente’ continuar com o parque da cidade. Bora vender a preço de banana para as incorporadoras e construtoras lotearem tudo ali. Zona Norte, a nova fronteira para os arranha-céus de SJC

  7. Incompetencia, descaso e preguiça da prefeitura que abandonou o parque há anos, tirando cameras, rondas constantes, guaritas, aparelhos para exercicios, deixou o basico para ñ fechar. É constante ver pessoas indo se drogar , prostituir e sabe lá o que mais, gente estranha saindo do meio do mato, encarando, tava estranho ali…Se fosse em bairro nobre, estaria inpecavel como Santos Dumont e Vicentina, mas infelizmente e na Zona Norte, azar o nosso, perdemos.

  8. Para as próximas eleições o atual Prefeito está querendo a todo custo conseguir o apoio do Governador e seu vice (ou ex-prefeito, como preferir), que só pensam em concessões e privatizações… Então dá nisso

  9. O mesmo governo estadual que vai investir R$100 milhões em parque para entregá-lo para a iniciativa privada, é o mesmo governo que não investe 1 centavo sequer para providenciar estrutura e equipamentos de saúde especializada em Jacareí. A falta de equipamentos como um AME, Lucy Montoro ou um hospital de maior porte em Jacareí causa longas filas, desequilibra o atendimento de saúde no Vale do Paraíba e ainda sobrecarrega a estrutura em São José e Taubaté.

    Porém, o Parque é mais importante para o Felício.

  10. Então, em países civilizados a maioria das cidades turísticas já cobra para frequentar e conhecer os parques famosos, mesmo sendo administrados pela cidade.
    Isso “geralmente” traz mais consciência ecológica e EDUCAÇÃO dos que os frequentam, pois ao pagar, valorizam e conservam aquilo que conheceram e ficam estimulados a voltarem. Hoje, no parque da cidade há um descaso quanto a sujeira e bagunça que fazem. Chega a ser repudiante ver pessoas bebendo em excesso, fumando e jogando bitucas em qualquer lugar e até urinando nos troncos das árvores, desrespeitando até mesmo seus familiares que estão por perto naqueles picnic dos finais de semana.

  11. É só pesquisar um pouco! Tudo que temos hoje no parque será mantido e gratuito! Tudo que for novo será cobrado, roda gigante, restaurantes etc. O parque é tombado e nada pode ser modificado. A cidade para de gastar com o parque e o dinheiro é direcionado para outras melhorias! Simples assim! Torcer para que o parque fique ainda melhor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

Nosso e-mail: contato@informa.life | 12 98187-2658
Life Informa | São José dos Campos – SP
Avenida Cassiano Ricardo, 601 / Sala 123
Edifício The One – Jardim Aquarius
São José dos Campos – SP – CEP 12.246-870