Aquarius Life: Obras na Alfredo Ignácio: Entre elogios e críticas, motoristas e pedestres vão se adaptando!

Intervenção foi feita para melhorar a fluidez do trânsito, especialmente com a construção da travessia elevada na esquina da rua Aruanã com a avenida Alfredo. Mas, trânsito tem piorado na opinião de moradores

Bairro adensado que desafia sua infraestrutura viária, o Jardim Aquarius vai se adaptando às mudanças necessárias em prol da mobilidade urbana. Recentemente, uma nova travessia elevada e implantação de novos retornos na avenida Alfredo Ignácio Penido – uma das mais importantes da região – vêm gerando questionamentos entre os moradores.
Tanto os retornos como a travessia elevada foram feitos pela construtora Cone Leste, com fiscalização da prefeitura. A obra é contrapartida do prédio Moriah, realizado pela construtora MVituzzo, que finaliza o empreendimento na rua Aruanã.

Travessia elevada – Já apelidada de “Calçadão da Alfredo”, a travessia está na etapa de finalização. Segundo pedestres, se tratando da velocidade dos carros na via, o obstáculo já cumpre o seu papel. Antes deste projeto, havia motoristas que pilotavam seus carros de “Fórmula 1” e não se preocupavam com quem atravessava a avenida. Mas, agora o elevado faz com que os apressadinhos tenham um pouco mais de prudência.
Vale enfatizar também a mudança de comportamento dos motoristas que vinham pela rua Aruanã e que em cima do “Calçadão da Alfredo” aceleravam o carro. Lembrando que os automóveis em cima da travessia têm que passar em velocidade reduzida.
Também foi feita nesta obra o aumento da boca de escoamento de água pluvial. A Life tinha registros de grande acúmulo de água quando chovia na esquina da Alfredo com a Aruanã.

Foto Life

Retornos realocados – Os retornos antigos em frente ao Le Classique eram criticados. Por se tratar de um prédio comercial com muito movimento de pessoas, carros paravam em frente ao retorno na portaria de entrada do prédio para desembarcar pedestres. Muitas vezes estes carros travavam o retorno de quem vinha pela avenida Cassiano Ricardo e desta forma começavam o estresse de motoristas que socavam a mão na buzina.
Com a nova obra, o retorno do motorista que vem pela Cassiano Ricardo mudou para a frente da rua Ruivo. Confira pontos positivos e negativos levantados pela Life in loco e nas redes sociais:
Positivos
– O retorno garante o principal objetivo da maioria, que é entrar na rua Ruivo. 87% dos carros que utilizavam o antigo retorno em frente ao Le Classique entravam na Ruivo, conforme análise de tráfego feita pela reportagem.
– Paralelo à construção do retorno foi feito na esquina da Ruivo com a Alfredo um aumento da calçada, o que facilita a travessia de pedestre e também dificulta para motoristas que vinham na contramão da Ruivo para entrar na Alfredo.

Negativo
– Por não existir um recuo para o retorno, a prefeitura teve que proibir vagas de estacionamento na avenida Alfredo.

Sobre o novo retorno situado em frente à academia Blackfit:
Positivo
– Beneficiou os moradores da rua das Pescadas, que não precisam mais ir até a rotatória na avenida Cassiano Ricardo para fazer o contorno.

Negativos
– Ficou bem próximo da avenida Cassiano Ricardo. Carros entram com muita velocidade na Alfredo e representam riscos aos pedestres, mesmo com a existência da faixa de travessia em frente à Blackfit, já que poucos carros respeitam a faixa.
– Motoristas que saem da rua das Baleias entram na contramão deste retorno por mera preguiça de ir um pouco mais à frente. Faltam conscientização destes motoristas e reforço na fiscalização de agentes.

Prefeitura
A reportagem perguntou à prefeitura o motivo do retorno não ter sido implantado em frente à rua das Pescadas, já que desta forma diminuiria a quantidade

de carros em frente ao retorno da Ruivo. Ou seja: facilitaria o fluxo nas duas conversões. Segundo a prefeitura não é possível criar um retorno em frente à rua das Pescadas, mais próximo do retorno localizado em frente à rua Ruivo, em razão do tráfego do local.

Moradores
Os principais problemas, segundo moradores, são a falta de sinalização indicando o sentido do retorno, o trânsito causado no local e a presença de vagas de estacionamento nos lados da via, já que os carros parados prejudicam a conversão.
“Os retornos ficaram péssimos. Ficou horrível virar para a rua Ruivo. Agora, além dos carros que vão para a Cassiano Ricardo, têm também os que querem fazer o retorno. Foram mal projetados. Poderiam ter mudado apenas a entrada da Ruivo, colocado a calçada elevada depois do retorno, em frente ao Le Classique. Teriam economizado e não travaria a Cassiano Ricardo”, disse uma moradora.
“Se a prefeitura não proibir o estacionamento de carros da academia Blackfit até pelo menos a Droga15 (dos dois lados) o trânsito vai piorar muito. No mais, só ando a pé pelo bairro. De carro fujo desta avenida sempre que possível”, comentou outro morador.

Contrapartida
Vale lembrar que obra de contrapartida não tem custo para prefeitura e sim para o empreendimento que se instala no local. Como a iniciativa vai gerar maiores fluxos de carros e de pedestres, a empresa precisa contribuir para alguma melhoria em torno do projeto.
Ressaltamos também que a obra não foi finalizada, sendo assim, as placas de sinalização ainda serão instaladas. Pelo menos 17 vagas serão proibidas: 6 entre a Ruivo e Piquirões e 11 da rua das Baleias até a rua das Pescadas. Como os retornos em frente ao Le Classique foram fechados, moradores esperam que sejam abertas vagas de estacionamento da rua das Pescadas até o início da travessia elevada.

Justificativa
Questionada, a secretaria de Mobilidade Urbana disse, em nota, que a intervenção é feita de acordo com a característica do tráfego da região. “O retorno no final da avenida Alfredo Ignácio Nogueira Penido atende à distância da avenida Cassiano Ricardo, evita um reflexo no tráfego da mesma e ainda respeita a distância necessária do retorno em frente à rua Ruivo”, informou a pasta.

LIFE | aquarius-life - Publicado 17:11 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

2 thoughts on “Aquarius Life: Obras na Alfredo Ignácio: Entre elogios e críticas, motoristas e pedestres vão se adaptando!

  1. DANIEL AMADO MURARO disse:

    Poderia haver um retorno no sentido da Cassiano Ricardo em frente a rua das Carpas. Do jeito que está hoje os moradores dos prédios da Jorge de Oliveira Coutinho e do condomínio de casas são obrigados a passar a travessia elevada e ir até o final da avenida, se quiserem descer a Alfredo Ignácio. Isso gera um tráfego na travessia elevada que poderia ser evitado, pois muitos carros visam descer para a Comendador Vicente Paula Penido para acessar o anel viário.

  2. Morador disse:

    Ficou péssimo! Passo todo dia nesse local, tanto de carro quanto a pé e realmente não precisava disso tudo. O ÚNICO problema que existia era a conversão na frente do Le Classique, por causa dos carros que paravam em frente às vagas e travava, mas não era um problema sério e a solução era só trazer o retorno um pouco mais pra trás que é hoje.
    Agora outro problema sério que foi criado com isso tudo é a travessia elevada. Como pedestre, devo eu somente atravessar na faixa ou posso usar toda a parte elevada? Se for somente pela faixa, os cadeirantes vão sofrer e muito, o espaço é muito apertado.
    Sem contar que perdemos vagas de estacionamento, aumentou o risco de acidentes e agora temos mais transito parado (que nem tinha antes), tudo isso para atender a demanda de uma minoria (que nem sabemos quem é). Até entendo que a obra não tenha custo, mas perdeu-se a chance de fazer alguma melhoria mais importante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.