Números de óbitos por covid-19 dos cartórios divergem da prefeitura; Confira as causas das mortes em São José

Uma das principais explicações é o fato de os cartórios somarem as mortes confirmadas e suspeitas, o que não acontece na estatística oficial da Saúde.

O número de óbitos por covid-19 em São José dos Campos é maior nos cartórios de registro civil em comparação com a estatística oficial de mortalidade da Secretaria da Saúde de São José. Segundo o Portal Transparência dos Cartórios de Registro Civil do Brasil, onde são emitidas as certidões de óbito, de 16 de março a 17 de agosto de 2020 (até às 16h), foram registrados os falecimentos de 390 pessoas por coronavírus em São José. No mesmo período, o indicador divulgado diariamente pela prefeitura aponta 291 óbitos mais 16 vítimas fatais suspeitas pela doença (até às 16h), ou seja, 307 vítimas, sendo 83 mortes a menos do que as registradas em cartório.

A principal explicação para a diferença é que, nos cartórios, todas as declarações de óbito (DOs) preenchidas pelos médicos, ainda nos leitos dos hospitais, são contabilizadas como mortes por covid-19, incluindo as que informam “confirmação de morte por coronavírus” e por “suspeita de coronavírus”. O sistema cartorial não faz distinção entre as categorias, somando tudo como covid-19.

Veja todas as mortes registradas nos 3 cartórios joseenses neste 1° semestre 2020 (de 1 de janeiro a 31 de julho) comparadas com o mesmo período de 2019. As postagens usam dados do Portal da Transparência do Registro Civil.

1° Semestre | 2019 2020 Diferença
Demais óbitos | 1093 1000 -93
Insuficiência respiratória | 152 160 8
Pneumonia | 464 315 -149
Septicemia | 355 326 -29
Indeterminada | 25 29 4
Síndrome Respiratória Aguda Grave | 1 13 12
Covid-19 | 0 321 321
AVC | 116 150 34
Infarto | 139 159 20
Causa Cardiovasculares Inespecíficas | 147 192 45
Total de óbitos | 2492 2665 173

Depois de sair do cartório, a Declaração de Óbito passa por processos de qualificação do óbito nas vigilâncias em saúde, onde será confirmado por diagnóstico epidemiológico e principalmente por exames, alguns deles pós-morte, se o paciente faleceu de coronavírus ou não. É neste ponto que casos suspeitos podem ser descartados e não aparecerem na estatística oficial da pandemia.
As famílias levam as Declarações aos cartórios para fazer o registro, emitir a certidão de óbito e liberar o corpo para os atos fúnebres. Nos arquivos cartoriais, os casos serão todos contados como covid-19, mas isso não ocorre automaticamente nas estatísticas oficiais de mortalidade.

Por telefone, a assessoria de imprensa da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen) informou que a hipótese mais plausível para explicar a diferença entre os números é, de fato, a emissão de DOs com a anotação de “suspeita de coronavírus” que, após os resultados de exames, são descartadas. A assessoria disse também que nos cartórios um caso de “suspeita de covid” que tenha sido registrado só é retificado se a família retornar com o resultado de exame negativo. Assim, este caso será descontado da contabilização cartorial.

Quando chega um caso de morte com suspeita, as secretarias da saúde fazem uma busca ativa para verificar os resultados dos exames. As vigilâncias em saúde vão atrás para checar se deu positivo ou negativo. No cartório fica como coronavírus, mas, na Saúde, só será contado como positivo se o exame confirmar. É isso que explica o cartório ter número maior de mortes.

Portal da transparência dos Cartórios

Segundo as notas metodológicas da plataforma, a família tem até 24 horas após o falecimento para registrar um óbito em cartório. Esse estabelecimento, por sua vez, tem cinco dias para efetuar o registro e, depois, mais oito dias para enviar a informação à Central Nacional de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), que atualiza a base de dados. Esse processo, no entanto, pode demorar ainda mais, uma vez que residentes de municípios com menos estrutura possuem um prazo de até três meses para fazer o registro.

LIFE | cotidiano - Publicado 11:49 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

2 thoughts on “Números de óbitos por covid-19 dos cartórios divergem da prefeitura; Confira as causas das mortes em São José

  1. Marta Giacomin disse:

    Obrigada, era uns dados que, “ eu “ Marta Giacomin, tinha curiosidade. Mesmo com a epidemia do COVID 19, não houve um aumento alarmante das mortes em se comparando as datas , 2019/2020.
    Temos que tomar os devidos cuidados, pq a contaminação é muito grande e veloz. Solidarizar com as famílias que perderam seus entes queridos.
    Obrigada pelo retorno.

  2. Camilo disse:

    https://informa.life/numeros-de-obitos-por-covid-19-dos-cartorios-divergem-da-prefeitura-veja-todas-causas-mortes-de-sao-jose/

    Tem alguns dados interessantes:
    -93 demais óbitos. Provavelmente menos acidentes de trânsito, menos assassinatos e menos acidentes de trabalho, menos cirurgias (por medo).
    -149 mortes por pneumonia. Os cuidados com higienização e isolamento com certeza ajudaram a evitar boa parte dessas mortes (bem como uma pequena parte dos demais óbitos)
    +12 de sindromes respiratórias-grave. Provavelmente uma parte dessas ainda não foi diagnosticada como covid.
    +24, +25 e +40 doenças cardiovasculares. Possivelmente parte por falta de acompanhamento médico (medo de contrair Covid).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *