Número de carros furtados em São José tem alta no mês de fevereiro

Alvos preferidos dos criminosos são o Gol (Wolkswagen), Palio (Fiat), Onix (Chevrolet) e HB20 (Hyundai)

No início de março, a Life fez uma matéria sobre a diminuição no número de carros furtados em São José apesar da aparente sensação insegurança. De acordo com dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), houve 177 casos de furtos de veículos na cidade no mês de janeiro, sendo 26 destes, registrados no 1ºDP, localizado no centro da cidade.

Em fevereiro as coisas mudaram um pouco e os casos de furtos aumentaram. Segundo dados divulgados recentemente pela SSP, houve 182 casos de furto de veículos no mês, ou seja, cinco casos a mais do que em janeiro. Ainda, se comparado a fevereiro do ano passado, o número também é maior; 180 contra 182 casos deste ano.

Zona Oeste

No 8ºDP, responsável por cobrir casos de grande parte da zona oeste, foram registrados 20 casos de furtos de carros em fevereiro, sendo 13 deles apenas no Jardim Aquarius. Na rua Armando de Oliveira Cobra foram registrados 3 casos, na avenida Tubarão, 2, e na rua Benedita Simões de Almeida, mais 2 casos.

Na zona oeste, dos 20 carros furtados em fevereiro, foram 9 Ônix, 3 Palios e 2 HB20.

Em São José, de modo geral, o foco parece ser o mesmo. O carro mais furtado na cidade em fevereiro foi o Gol (23). Depois o Uno (19), Onix(18) HB20(13) e Palio(10).

LIFE | cotidiano - Publicado 09:19 | -

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Número de carros furtados em São José tem alta no mês de fevereiro

  1. Rubens Filho disse:

    Roubos de carros, normalmente, tem 4 motivos:
    O principal é para desmanche e revenda de peças, lojas ou internet. Portanto, carros com maior volume de vendas são os alvos.
    Os outros motivos são por encomenda, neste caso veículos de maior valor, marcas “Premium” e pick ups, também podem ser para desmanche e venda das peças ou levados para países de fronteira com o Brasil ou interior do Interior de Estados com pouca fiscalização.
    Carros para fuga e assaltos, estes tem que ser espaçosos para caberem os bandidos e armamentos, geralmente fuzis ou metralhadoras, e rápidos.
    E por último, para se exibirem nas favelas ou bairros onde os bandidos moram. Tirar onda, nestes casos, os carros de Manos e que as Minas piram. Os carros da moda, como foi o Golf e Veloster.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.