Norte Life: Motorista tenta desviar de galinha, perde controle e colide contra árvore na SP-50

Morador de São Francisco Xavier, ele foi resgatado em estado estável; acidente ocorreu na divisa entre São José e Monteiro Lobato

O trânsito ficou complicado na manhã deste sábado, 20, na SP-50. O motivo foi um acidente ocorrido na divisa de Monteiro Lobato com São José dos Campos. Por volta das 9h, um senhor, morador de São Francisco, seguia no sentido de São José quando perdeu o controle ao tentar desviar de uma galinha que apareceu na estrada e acabou colidindo contra uma árvore. Ele estava consciente e aparentemente seu estado de saúde era estável. O Samu atendeu a ocorrência.

LIFE | norte - Publicado 13:20 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

3 thoughts on “Norte Life: Motorista tenta desviar de galinha, perde controle e colide contra árvore na SP-50

  1. Rubens Filho falou e disse:

    A galinha passa bem, já o Fusca WV! Perdeu a chance de fazer um frango atropelado na janta. Pelo menos o senhor caipira, com respeito, está bem e pela foto não precisou fazer a extricação veicular. Ufa!
    Segue:
    ACIDENTES DE TRÂNSITO CAUSADOS POR ANIMAIS PERTENCENTES A PARTICULARES
    Quanto a este tipo de acidente, surge a responsabilidade civil pelo fato do animal, de natureza objetiva, na forma do art. 936 do CCB/2002, cuja redação transcreve-se novamente: “O dono, ou detentor, do animal ressarcirá o dano por este causado, se não provar culpa da vítima ou força maior”. Essa responsabilidade pelo fato do animal independe de culpa, e compreende danos de qualquer natureza (materiais, morais, estéticos, etc.). Portanto, o dono ou detentor do animal – denominado genericamente de guardião – é quem responderá pelos danos causados a terceiros, incluindo as hipóteses de acidentes de trânsito provocados pelo bicho.
    O que fazer ao avistar animais na pista:

    • Reduza a velocidade; Tente desviar ou frear bruscamente se em alta velocidade há o risco de capotamento ou colisões frontais ao não atingir o animal. No caso de animais de pequeno porte o melhor é atropelar INFELIZMENTE.
    Já os de grande porte, colidir estando em alta ou média velocidade ou tentar desviar os riscos de morte ou lesões e perda material são enormes.
    PREVENIR e ANTECIPAR situações PROSÍVEIS de RISCOS são muito importante.
    Automóveis com ABS, ESP e EBD e pneus em boas condições permitem melhor manobrabilidade nestes casos ao tentar frear ou desviar.
    • Nunca buzine para não assustar o animal;
    • Não pisque os faróis ou jogue luz sobre o animal;
    • Feche os vidros do veículo ao passar perto de animais de grande porte;
    • Se for necessário ultrapassar, siga por trás dos bichos;
    • Depois de ultrapassar, sinalize para os motoristas que vêm em direção oposta sobre o perigo, piscando os faróis. Piscar três vezes o farol e posicionar a mão para baixo com quatro dedos abertos indica a presença de animais na pista;
    • Ligue e comunique o fato para o 0800 da concessionária responsável pela rodovia;
    • Ligue e comunique o fato para a Polícia Militar Rodoviária (190) e(ou) 193/192 no caso de acidentes. 191 Polícia Rodoviária Federal.

  2. Rubens Filho disse:

    … POSSÍVEIS…

  3. Jorge Bezerra de Lima disse:

    Boa tarde fiquei sabendo deste acidente por uma pessoa que disse que acabou se envolvendo neste acidente também, mas gostaria de saber a realidade, Neste acidente os envolvidos foi so a galinha e o senhor que dirigia o fusca, ou teve outro carro envolvido?
    Agradeço desde já o retorno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *