Dois ouriços do mato são flagrados na avenida Shishima Hifumi, no Urbanova

Animais receberam auxílio e atravessam a avenida em segurança

Dois ouriços do mato são flagrados na avenida Shishima Hifumi, no Urbanova
Dois ouriços do mato são flagrados na avenida Shishima Hifumi, no Urbanova / Foto: mario.teixeira

Na tarde desta segunda-feira (21) dois ouriços do mato foram flagrados na avenida Shishima Hifumi, no Urbanova, zona oeste de São José dos Campos. Os animais corriam grande risco de atropelamento.

Foto: mario.teixeira

Ciente do risco, pessoas que passavam pelo local interditaram a pista e auxiliaram a travessia dos animais, encaminhando-os em segurança para uma área verde nas dependências da Univap. As informações são da Revista do Urbanova.

Veja também

Homem é preso em condomínio no Urbanova ao tentar aplicar ‘Golpe do Presente’

LIFE | cotidiano - Publicado 21:42 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

10 thoughts on “Dois ouriços do mato são flagrados na avenida Shishima Hifumi, no Urbanova

  1. Alexsandro Sonagli disse:

    Nos meus passeios de bicicleta de madrugada pelo Urbanova já vi alguns mortos, atropelados.

  2. Picana disse:

    Vamos tomar uma medida ESG, proíbe de passar veículos na Shishima Hifumi…

  3. Raquel disse:

    O maior parece com um gambá. Esse tal de ouriço arremessa seus “espinhos”. Uma amiga minha teve que levar seu cachorro ao veterinário para tirar os espinhos. O bicho ficou coberto de “espinhos”.

  4. Michelle disse:

    Compra no pet shop ou caça e depois solta pq enjoou

  5. Fernando César disse:

    Podia se fazer umas travessias seguras por debaixo das avenidas , com introdução de dutos que possibilitaria que os animais silvestres seguissem de um lado para o outro sem sofrer consequências. O departamento de meio ambiente, Sabesp, Comgás, bandeirantes energia, poderiam planejar e arcar com essas melhorias.

  6. Luiz disse:

    O titulo da materia esta errado!! Eles nao foram flagados… ali é o habitat deles!! Nos ser humanos ke invadimos sua moradia…. ali nakela regiao nao era para haver casas, condominios ali é mata virgem e temos varios animais da nossa fauna porem “nossa” ambição esta fazendo a natureza ali nakela regiao ir a falencia!!! Triste

    • Rubens Filho disse:

      Ué! Está invasão começou lá atrás. Uns 50 mil anos com os homens pré históricos. Papinho repetitivo de ecoterroristas, heim!
      Rsrsrs. Ainda bem que não estão na lista de animais em extinção.
      Escorpiões, baratas, cupins e formigas invadem o nosso habitat com varanda gourmet.

  7. Rubens Filho disse:

    Nada haver Raquel. Nem este ouriço cacheiro e nem porco-espinho africano arremessam seus espinhos. Pura desinformação.
    Eles os usam para defesa, ao espetar os soltam caso algum animal, cachorro por exemplo, tentam mordê-los ou chegam perto demais. Daí o curioso cachorro fica com o focinho cheio de espinhos.

  8. Rubens Filho disse:

    Já existem algumas soluções em estradas para evitar o atropelamento de animais silvestres, principalmente aqueles que transitam pelo alto.
    É comum ver estes ouriços-cacheiros andando por fios de alta tensão, por cima de muro e grades.

  9. Rubens Filho disse:

    Nada haver Michelle.
    Animais silvestres brasileiros são proibido à venda.
    LEI N° 5.197, DE 3 DE JANEIRO DE 1967

    Dispõe sobre a proteção à fauna e dá outras providências.

    O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

    Art. 1º. Os animais de quaisquer espécies, em qualquer fase do seu desenvolvimento e que vivem naturalmente fora do cativeiro, constituindo a fauna silvestre, bem como seus ninhos, abrigos e criadouros naturais são propriedades do Estado, sendo proibida a sua utilização, perseguição, destruição, caça ou apanha.

    § 1º Se peculiaridades regionais comportarem o exercício da caça, a permissão será estabelecida em ato regulamentador do Poder Público Federal.

    § 2º A utilização, perseguição, caça ou apanha de espécies da fauna silvestre em terras de domínio privado, mesmo quando permitidas na forma do parágrafo anterior, poderão ser igualmente proibidas pelos respectivos proprietários, assumindo estes a responsabilidade de fiscalização de seus domínios. Nestas áreas, para a prática do ato de caça é necessário o consentimento expresso ou tácito dos proprietários, nos termos dos arts. 594, 595, 596, 597 e 598 do Código Civil.

    Art. 2º É proibido o exercício da caça profissional.

    Art. 3º. É proibido o comércio de espécimes da fauna silvestre e de produtos e objetos que impliquem na sua caça, perseguição, destruição ou apanha.

    § 1º Excetuam-se os espécimes provenientes legalizados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.