Desculpas pós-transtornos em eventos na Praça no Aquarius

Prefeitura se retrata sobre perturbação causada e avisa que vai buscar novo espaço

Foto: Leitor Aquarius Life

Moradores do Jardim Aquarius – principalmente os que residem no entorno da Praça Ulisses Guimarães – passaram por um grande transtorno durante um final de semana recente. Promovidos pela prefeitura, o bairro recebeu o Conexão Juventude e uma atividade em celebração ao “Mês da Música”.
Os eventos transcorreram sem problemas aparentes. Mas o som propagado pelas caixas acústicas causou enorme transtorno a muitos moradores dos edifícios próximos a praça. Dezenas de reclamações chegaram à redação de leitores inconformados com a “falta de respeito” e com a perturbação em pleno sábado e domingo.
A maior parte dos relatos mostrava-se contrários a eventos de grande porte. Falta de estrutura – como problemas de estacionamento, isolamento acústico e longa duração – foram as principais queixas. Muitos moradores são favoráveis ao acontecimento de projetos menores, sem a utilização de microfones, curtos e que apresentem público rotativo, ao contrário dos últimos eventos que tiveram apresentações de bandas.

Sujeira – Além do grave problema da falta de isolamento acústico, outro transtorno que chamou a atenção dos moradores dispõe sobre a sujeira na praça. Mesmo com a limpeza da prefeitura, garrafas e latas foram vistas dois dias após a realização do último evento.

ABA – O assunto foi tema de grande debate e discussão nos grupos de WhatsApp e Facebook dos “Amigos do Bairro Aquarius”. Assim como nos e-mails, a maioria tem plena convicção de que o principal coração verde e área de lazer do bairro não tem condições estruturais de receber eventos de grande porte. No grupo do Facebook (Jardim Aquarius – ABA) foi feita uma pesquisa questionando se o morador é contra a realização de grandes eventos na praça Ulisses Guimarães. Do total de 632 membros, 41 responderam que são favoráveis desde que não gerem barulho, 19 opinaram que depende das condições do evento e 12 votaram contra ações de grande porte.

SAB – Segundo a presidente da Sociedade Amigos do Bairro, Francisca Gil, a prefeitura não cumpriu o que estava acordado. “Não fomos avisados nem consultados. Nossa praça não suporta eventos grandiosos, que devem ser realizados em bairros espaçosos e não em uma área cercada de prédios. O som propaga. A prefeitura sabe disso. Falei com o vereador Calasans, que me informou que não serão mais feitas atividades deste porte no Aquarius. Daqui para frente só irão ocorrer projetos solicitados pela SAB ou que tenham nossa autorização”, contou.
Conforme noticiado pela reportagem da Aquarius Life, diversos secretários municipais visitaram o bairro (confira matérias em nosso portal) recentemente e se comprometeram a realizar uma série de melhorias, principalmente viárias e de manutenção. “Falaram e não cumpriram. Estou muito chateada com os secretários. Vamos continuar batalhando”, desabafou Francisca.

Prefeitura – Responsável pelas ações, a secretaria de Esportes e Qualidade de Vida pediu desculpas aos cidadãos residentes no entorno da Praça Ulisses Guimarães que se sentiram incomodados com os eventos. Segundo nota oficial emitida à Aquarius Life, a prefeitura buscará um novo espaço para realizar atividades deste porte e permanece aberta aos cidadãos para conselhos e sugestões.

LIFE | aquarius-life - Publicado 10:47 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.