Atrasada, Linha Verde chega ao centro de São José na próxima segunda!

Operação do novo modal de transporte da cidade ligará a Estação Sul, no Campo dos Alemães à Estação Maurício Cury, no centro

Atrasada, Linha Verde chega ao centro de São José na próxima segunda!
Atrasada, Linha Verde chega ao centro de São José na próxima segunda / Foto: PMSJC

Após sucessivos atrasos ao longo de todo o cronograma, a Linha Verde, passa a operar na segunda (5) o novo destino até a região central de São José dos Campos, interligando a Estação Sul, no Campo dos Alemães à Estação Maurício Cury, no centro da cidade.

Com isso, a Linha Verde passa a oferecer dois destinos, um até o centro e o outro com viagens até a Estação do Terminal Rodoviário Frederico Ozanam (Rodoviária Nova), na Vila Piratininga, como já vem ocorrendo.

Com a ampliação do itinerário, a nova rota vai contar com 13 estações de embarque e desembarque integradas com outras linhas do sistema de transporte público. As duas novas estações estão localizadas na Avenida Nelson D’Ávila e na praça Mauricio Cury, na avenida João Guilhermino. O horário de atendimento também foi ampliado e passa a operar das 5h30 até às 23h50.

Durante a semana, serão oferecidas 53 partidas da estação Sul até a Estação Mauricio Cury, no centro. Aos sábados serão 44 partidas e aos domingos, 39.

Já com destino até a Rodoviária Nova, serão oferecidas 28 partidas da estação Sul até a Estação Rodoviária. Aos sábados serão 24 partidas e aos domingos, 21.

Itinerário

O novo trajeto até a Estação Maurício Cury tem partida da Estação Sul, seguindo pelas estações Eldorado, Vale do Sol, Jardim Morumbi, Jardim Oriente, Jardim América, Dutra, Vila Sanches, Nelson D´Ávila e Maurício Cury.

A viagem de retorno sairá da estação Maurício Cury, seguindo pelas Estações Jardim Oswaldo Cruz, Jardim Satélite, Jardim América, Jardim Oriente, Jardim Morumbi, Vale do Sol, Eldorado e Estação Sul.

Os VLPs integram o sistema de transporte público da cidade de forma integrada com as demais linhas. Por duas horas é possível fazer a integração com o pagamento de apenas uma tarifa. O embarque na Linha Verde é feito exclusivamente nas estações.

Os carros são operados pelas empresas concessionárias do sistema de transporte público. A Linha Verde está em operação desde 31 de julho.

Cartão

O novo sistema não possui catracas ou cobradores. No VLP, o próprio passageiro valida seu cartão eletrônico nos equipamentos instalados nas portas de entrada do veículo. O pagamento das viagens será feito exclusivamente por meio do cartão eletrônico, o mesmo utilizado nos ônibus do transporte público do município, garantindo a integração do sistema.

Quem ainda não possui o cartão eletrônico, pode solicitar a primeira via na sede do Consórcio 123, que fica rua Rui Barbosa, 15, no centro da cidade. É necessário levar um documento com foto. A primeira via do cartão é gratuita. A compra de créditos pode ser feita na sede do consórcio ou em outros 15 pontos de vendas em diversas regiões da cidade, pelo site do consórcio ou pelo aplicativo Recarga Pay.

Capacidade

Com 22m de comprimento, os VLPs têm capacidade para 168 passageiros, além de espaços para cadeirantes. Os veículos possuem poltronas estofadas com apoio de cabeça e conectividade por meio de entradas USB, além de monitores instalados no teto, rádio e alto falantes.

Veja também

São José inova com acesso de surdos aos serviços públicos pela Central de Libras

 

LIFE | cotidiano - Publicado 14:35 | - Redação

Compartilhe a Life Informa:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Receba notícias na palma da sua mão, entre no grupo de Whatsapp: Clique aqui WhatsApp
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube: Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

18 thoughts on “Atrasada, Linha Verde chega ao centro de São José na próxima segunda!

  1. Miguel Moisés disse:

    Precisamos ter o VLP também na região leste

    • Rubens Filho disse:

      Rsrsrs Não estamos na China e nem no Japão. É demorado mesmo.
      Na segunda etapa: *Anel Viário Leste*
      Outra novidade é o Anel Viário Leste, uma nova via que permitirá a interligação da região sul ao Parque Tecnológico, sem a necessidade de uso da Via Dutra.
      Quando concluída, as duas etapas da Linha Verde vão interligar a cidade da região sul à divisa com Caçapava – Fonte: PMSJC

  2. Paula Maria disse:

    Boa tarde,alguém saberia me dizer se o idoso tem que ter cartão novo também, caso tenha onde conseguir.
    Ou se o que ele já tem para uso nos demais ônibus serve para este também.

    • Rafael+Luiz+barbosa disse:

      Paula Maria, o cartão de idoso pode ser usado normalmente no ônibus da linha verde, o meu cartão é de isento, usei ele normalmente quando peguei o ônibus na estação shibata, só encostar no aparelho e já valida no caso a gratuidade.

  3. Adao Vitor de Carvalho disse:

    O jornalista ESQUECEU de dizer que este projeto REMENDADO não era nem pra ir ao centro e sim seguir até o parque tecnológico originalmente, mas bem tudo esta perdido agora que o ex prefeito é VICE governador faça uso do cargo e convença o Tarcisio é mandar grana pra terminar sem parar, dando sequência até o parque tecnológico

  4. Vladir Ribasvl disse:

    Muito obrigado pelas informações. Muito importante.

  5. Juan disse:

    É impressionante como a Prefeitura exclui a zona Sudeste de todos os planos de transporte.

  6. Rosana disse:

    Nao adianta melhorar centro.se zona leste e uma vergonha.todo dia onibus q quebra..populaçao sem respalgo algum,novo horizonte todo dia..bairro que abrange varios ..e ficamos na merce destes politicos so pensa em eleiçao e poder…sai um e entra outro nao faz nada..so Ocupa espaço e enche bolso…esta empreza que e um lixo …que sofre sao os trabalhadores, motorista e cobradores …pra mim de verde nao tem nada…nem cor..indignada..Aff..😬😬😬

  7. Jaime+Eugênio+Flores+Figueroa disse:

    Pouquíssimo útil, não anda ninguém nesse ônibus desperdício de dinheiro público,as estações onde tem mais gente passa batido,um exemplo bairro grande e muita população não tem acesso ,ou desce no eldorado ou passa batido até o ponto final será que esses caras tem o que na cabeça , idoso tem que subir a ribanceira ou descer ladeira abaixo , triste de ver um ônibus sem ninguém o dia inteiro vazio.

  8. Júlio Prado disse:

    Onde está a região do novo horizonte ( jd americano e santa Inês) no projeto que vi na maquete eletrônica da linha verde no YouTube? Onde está a via leste para que automóveis do novo horizonte possam subir pelo Jd americano , pela vista verde, Jd diamante até o viaduto da via Cambuí sob a Dutra? Espero que isso seja absolutamente rápido . O transporte público está péssimo nessa região infelizmente e os automóveis demoram muito pra chegar no centro.Tenho absoluta certeza que as obras começarão em breve. A população gigantesca da zona leste espera isso , inclusive a duplicação da Tancredo Neves entre Jd Paraíso do sol e drogaria são Paulo no Nova Michigan , nos dois sentidos . Esse trecho tá um caos.

  9. Sandro disse:

    Nem jesus agradou todos imagina uma meia duzia de mimizento criticando tudo que é feito pelo cidade, vcs que criticam poderiam morar em jacarei, Taubaté, caçapava.. la sim a prefeitura faz tudo pelos município..bando de zé ruelas

  10. William disse:

    deu ruim as paradas tudo fora da curva a pessoa tem que andar um pouco mais para pegar esse ônibus
    As paradas tem que estar nos lugares mais populosos e não está tem para no meio da linha verde tem que andar um pouco para pegar

    Acho que vai demorar um pouco para as pessoas acostumarem

    E no mais fica uma dica ae para a prefeitura abrir o olho com essas empresas que já deveriam ter caído fora nos últimos horários estão deixando passageiro nos pontos

  11. Daniel Noebauer disse:

    Façam o favor de, por gentileza usar o nome correto da sua cidade pois o município de São José em Santa Catarina, fundada em 1750 em nada tem haver com a mencionada na reportagem.

  12. Rafael+Luiz+Barbosa disse:

    Daniel Noebauer, exatamente isso, é frequente nas mídias que citam o nome da nossa cidade com o nome da cidade catarinense, outro exemplo é Guaratinguetá que ficam chamando de Guará sendo que o verdadeiro Guará é região de Ribeirão Preto.

  13. JOSÉ EDUARDO DE OLIVEIRA E SILVA disse:

    OLHA , REGIAO LESTE .
    TEM VIA CAMBUI –
    OU JUSCELINO KUBISTECHEK ‘
    QUE CORTA ( TRANSPOE ) VÁRIOS BAIRROS .
    E AÍ ESTÁ LINHA VERDE VAI SER IMPLANTADA TAMBEM NESTA REGIAO .
    ACREDITO QUE A REGIÃO LESTE DE SHAMPOOS E UMA REGIAO QUE VEM.MAIS DESENVOLVENDO ?
    POIS TEM MUITOS LOTEAMENTOS SETVILLE , CITY PARGUE , QUE ESTÃO EM FORTE EXPANSÃO DE CONSTRUÇÕES COMERCIAIS RESIDENCIAIS E QUE EXISTE UMA GRANDE MASSA DE MORADORES QUE DESLOCAM DIARIAMENTE AO CENTRO E OUTROS BAIRROS DE JOSÉ E QUE DEVERIA TER TA MBEM ESTE TRANSPORTE COM ÔNIBUS COM MAIOR CAPACIDADE DE PESSOAS E DE MELHOR CONFORTE AOS USUÁRIOS…

  14. Edson Cursino dos Santos disse:

    A cidade está de parabéns, me orgulho ao ver a Linha Verde, o Arco da Inovação,o Anel Viário.
    Tudo está evoluindo, basta ter paciência e outras regiões serão atendidas, São José dos Campos, cidade linda de causar inveja aos vizinhos quando passam por aqui.

  15. Marco Antonio disse:

    São José dos Campos está de parabéns com as inovações em mobilidade urbana, são conquistas que elevam o nome da cidade a nível nacional.

  16. Spotted disse:

    Bora pagar o IPTU para sustentar a operação da Linha Verde.
    Anda vazia, não enterrou a fiação elétrica, não tem semáforos inteligentes nos cruzamentos, não urbanizou o entorno e não atende aos bairros com mais população

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.