Aquarius Life: Como será o futuro da praça Ulisses após adoção?

Prefeitura segue com o dever de zelar pela praça, mas agora passa a receber ajuda e incentivos do setor privado; moradores relatam diversos pontos que precisam de melhorias urgentes!

Foto JFLOW DRONE

Principal espaço verde e área de lazer do Jardim Aquarius, a praça Ulisses Guimarães foi adotada pela empresa Horizonte Engenharia, que agora é responsável por fazer a capina da grama e a limpeza e manutenção dos equipamentos, assim como os brinquedos do playground, bancos e academia ao ar livre. Antes que surja qualquer dúvida por parte dos frequentadores, é preciso ressaltar que a empresa se tornou uma parceira da prefeitura, que ainda continuará responsável por cuidar da praça com serviços referentes à poda de árvores, reparos na iluminação e manutenção das calçadas.
Como adotante, a empresa tem uma série de obrigações, mas também pode desenvolver atividades fora do planejado, desde que tenha o devido aval da prefeitura. Assim, imagina-se que a praça sofra algumas mudanças e seja ainda mais utilizada. A promoção de eventos, feiras, e ações voltadas ao público podem ser diferenciais deste novo “momento”.
Ah, e um conselho: não estranhe se você encontrar placas com o nome da empresa pelos 40 mil m² de área, já que a iniciativa faz parte dos acordos inseridos no programa Nossa Praça, desenvolvido pela prefeitura.

E as melhorias?

Após receber inúmeras reclamações sobre o estado da praça, a reportagem esteve no local para conversar com moradores e frequentadores. O objetivo foi entender quais os pontos que devem ser melhorados, ainda mais com a adoção feita pela empresa Horizonte Engenharia, iniciativa que é vista como um incentivo por grande parte do bairro.
Em resumo, as reclamações consistem nos seguintes tópicos:

Conduta de usuários dos patinetes compartilhados: problema recente que os frequentadores da praça ainda não se acostumaram, os patinetes compartilhados têm causado um verdadeiro alvoroço, ou melhor, os usuários deles. “Os patinetes são um terror! Tem que ter uma legislação tanto para eles quanto para as bicicletas, as pessoas andam sem nenhum cuidado, em alta velocidade oferecendo risco para todo mundo”, comentou uma moradora. É importante lembrar que nos aplicativos e até nos próprios patinetes (varia de empresa para empresa) estão presentes dicas de segurança, educação e orientações para a utilização e cuidados com o pedestre. Em São Paulo a prefeitura vai começar a multar quem andar de patinete elétrico na calçada ou sem capacete. As multas em caso de descumprimento podem variar de R$ 100 a R$ 20 mil.

Foto Life

Calçadas danificadas: em alguns pontos da praça, principalmente nas faixas principais onde as pessoas costumam usar para caminhadas e corridas rotineiras, o piso se encontra bastante danificado. Na maior parte dos pontos, o piso está levantado, rachado e quebrado, o que pode ocasionar acidentes, principalmente entre os mais idosos.

Pets: ah, os pets… muitas vezes inofensivos e quietos, eles são alvo de reclamações há tempos. Na maioria dos comentários, os moradores afirmam não ser contra os cães, mas sim contra o contato intenso com eles. Para muitos, os pets trazem mau cheiro à praça, deixam dejetos pelo local – o que é uma questão de conscientização dos donos -, e oferecem risco às crianças quando estão no parquinho infantil, podendo transmitir doenças e bactérias. Alguns moradores, em comentários no grupo ABA (Amigos do Bairro Aquarius) e em sugestões enviadas à Life, também demonstraram o desejo por um espaço dentro da praça reservado para os cães.

Falta de banco, lixeiras e bebedouros: apesar da praça contar com 44 lixeiras e 41 bancos, muitos moradores solicitam uma quantidade maior, e pensando bem, comodidade e limpeza nunca é demais. Além disso, há um enorme número de pedidos por mais bebedouros, já que existe apenas um ao longo de toda a praça. Para crianças e o pessoal que curte fazer exercícios físicos na praça, um pouquinho de água para se hidratar é indispensável.

Falhas na iluminação: trata-se de uma demanda antiga e que já deu muita dor de cabeça para quem frequenta a praça. A iluminação é instável há mais de dois anos. Em alguns dias as luminárias funcionam normalmente, em outros, parte delas, e por vezes, nenhuma, deixando a praça em um total breu. De acordo com relatos, além de ser um fator que atrapalha quem deseja aproveitar os recursos da praça no período noturno, muitas vezes após um dia intenso de trabalho ou estudo, a “escuridão” do local traz uma sensação de insegurança para visitantes e moradores do entorno. A prefeitura afirmou diversas vezes que vai frequentemente até a praça fiscalizar, fazer testes de iluminação e consertar os problemas existentes, mas, mesmo com as tentativas, é um ponto que deixa a desejar. Com a adoção e as possíveis mudanças na praça, o desejo dos moradores é que o problema seja, enfim, resolvido.

Poda de árvores: as árvores são presença essencial na praça, aliás, são elas que trazem a maior parte do verde e da vida ao local. Mas, para melhor interação entre elas e moradores, é preciso realizar podas nas copas e folhagens que atrapalham a circulação e iluminação.

Além das reclamações rotineiras, na enquete realizada pela Life no grupo ABA no Facebook, moradores enviaram sugestões (mais de 120 comentários) diferentes e que, com estudos, podem ser levantadas e quem sabe colocadas em prática. Dentre as sugestões mais “alternativas”, foram citadas desde relógio digital – no melhor estilo Campos do Jordão – até banheiros. Confira algumas das sugestões de moradores, se surpreenda e avalie as ideias:

Relógio Digital: “Relógio digital com hora e temperatura, tipo aqueles de Campos do Jordão”.

Zeladoria: “Moro em frente à praça há 15 anos, não precisa de mais nada a não ser zeladoria. Tudo pode ser melhorado, mas temos que pensar naquilo que não cause outros problemas maiores para os moradores do entorno”

Cafeteria: “A prefeitura poderia pensar em abrir licitação para um pequeno café com banheiro na praça!”

Pista de Cooper, pista de caminhada e sprays com vapor de água: “Deveriam separar as calçadas fazendo pista de cooper (quem quiser correr terá uma pista específica) e de caminhada (terá uma pista somente para essa atividade), e sprays de água para o verão”

Arborização ao lado do parquinho infantil e pista para patinetes: “Perto da areia onde as crianças brincam eu acho que seria legal se fosse mais arborizado, pra fazer uma sombra pra criançada brincar. Eu também acho que precisa orientar as pessoas que utilizam os patinetes e bicicletas a não trafegar em alta velocidade na pracinha. O ideal seria ter um outro espaço para que eles possam curtir o lazer deles sem machucar o próximo e sem se machucar”.

Mesinhas: “E se fizessem umas mesinhas cobertas, para o caso de fazer um picnic, como tem no parque Santos Dumont?”

Prefeitura
Após a realização da enquete, de vistorias na praça e muita conversa com moradores, a reportagem entrou em contato com a prefeitura para saber quais ações estão planejadas para a praça. A Life também apontou a necessidade urgente de melhorias nos principais tópicos das reclamações.
Em nota, a secretaria de Manutenção da Cidade disse que a prefeitura fará uma vistoria, sem data confirmada, para levantar todos os trechos do passeio público que necessitam de reparo. Segundo o órgão, até o final de maio será realizada também a manutenção na parte de jardinagem que abrange poda e roçada. Sobre o lixo, a prefeitura informou que o esvaziamento das lixeiras públicas (lixeiras verdes) é realizado às segundas, quartas e sextas-feiras.
No polêmico caso dos cães, a prefeitura afirmou estar avaliando a viabilidade de um espaço reservado para cachorros. A administração também disse que está comprando placas de sinalização de “Proibido Cães”, que serão colocadas nas áreas ao redor do parquinho infantil. No texto, a prefeitura enfatizou ainda que “na praça existem espaços adequados para atividades físicas, eventos e piqueniques” e que “a convivência nos espaços públicos é um exercício de cidadania em que deve prevalecer a educação, o bom senso e o respeito ao próximo”.
A reportagem da Life entrou em contato com a Horizonte Engenharia para saber sobre os projetos que a empresa pretende desenvolver na praça e as primeiras ações que serão tomadas, mas não obteve resposta até o fechamento desta edição.

 

LIFE | aquarius-life - Publicado 11:59 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

2 thoughts on “Aquarius Life: Como será o futuro da praça Ulisses após adoção?

  1. AC disse:

    Acho a iniciativa excelente, desde que a praça não passe a ser alvo de local para shows e ou atividades onde os organizadores usam auto falantes, megafones etc. Este seria o pior dos mundos pois a praça está localizado no centro residencial e as famílias não querem barulho ou auto falantes nos finais de semana mesmo que de dia. Para shows, existem outros locais onde não incomodam a vizinhança e o bom convívio do bairro.

  2. Alemão disse:

    Importante:
    1) Deixem os pets em paz! Quem traz mau cheiro são os humanos que não tomam banho, e são mal amados. Quanto aos dejetos, concordo 100% No entanto, a culpa não é do pet, mas do dono porco e mal educado.
    2) Contar com o privado para gerir uma praça pode ser muito bom ou pode ser um completo desastre! Sou totalmente contra barracas, ou coisas do tipo para ambulantes ou qualquer tipo de comércio na praça! Ou é uma praça ou é uma fanfarra!
    3) 10000% contra os patinetes!!!!!!! Usam o local público para ganhar dinheiro e acabam com o sossego de quem quer apenas descançar na praça! As pessoas são mal educadas e não têm bom senso; usam o patinete como se fosse um instrumento de corrida! Uma hora vai dar problema, inclusive com brigas físicas! Ninguém aguenta mais esse povinho mal educado!
    4) Deixem os pets em paz!
    5) Deixem os pets em paz!
    6) O ser humano é tão mesquinho que fica criando caso com os pets! Deixem os pets em paz, e procure fazer algo de bom para alguém!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *