Aquarius Life: Quedas constantes de energia geram prejuízos e transtornos durante pandemia

Moradores alegam perda de eletrodomésticos e dificuldades para o home office. “Caiu pelo terceiro dia consecutivo sem que houvesse chuva ou vento. Ficar em casa já é desgastante, ainda mais sem energia”, afirma entrevistada

As quedas de energia que eram constantes no Jardim Aquarius – principalmente durante o verão – deram uma considerável amenizada ao longo dos dois últimos anos. Consequência de um investimento de R$ 1,2 milhão, feito pela concessionária que administra a rede elétrica na cidade, um novo circuito entrou em operação no segundo semestre de 2018. Chamado de Circuito URB 1308, o sistema possui 3,2 quilômetros de rede “spacer” – que utiliza cabos em rede que minimizam o impacto da vegetação. “O crescimento do bairro foi atípico. O Aquarius é um desafio”, admitiu o diretor da empresa entrevistado em março de 2018.

Além do URB 1308, a concessionária responsável revelou com exclusividade à Life – na época – que também ocorreria até o final de 2018 a substituição de tecnologia da rede convencional para compacta em 4,6 quilômetros, dentre outros serviços e melhorias como intervenções constantes na vegetação, inspeções termográficas em toda a região do Jardim Aquarius, mobilização de equipes adicionais para reforço na manutenção preventiva e revisões de ajustes dos equipamentos de proteção.

Mas, agora em 2020 e em plena época de pandemia e isolamento social as quedas de energia voltaram a ficar frequentes, apesar de ser um período de estiagem e com pouca ventania em comparação com os meses mais quentes do ano em São José dos Campos. Conforme registros as falhas vêm ocorrendo pelos quatro cantos do bairro como nas avenidas Alfredo Ignácio ,Tubarão, rua das Piabas, João Teixeira Neto, Benedito Osvaldo Leques, Alvarenga Carvalho e Célio José dos Santos – dentre outras vias. A população afetada somente no Aquarius gira em torno de 25 mil.

Basta uma rápida lida nos comentários dos grupos do Jardim Aquarius no Facebook e WhatsApp – sem contar as dezenas de mensagens enviadas à redação – para se ter uma noção dos transtornos causados à população do bairro.

“Escutei um transformador dando estouros na rua Geraldo Vieira, em frente ao posto fiscal. De imediato acabou a energia. Estou tendo sérios problemas para fazer o home office e estudo processar a empresa, já que a conta nunca atrasa e o serviço vem sendo péssimo. Tenho audiências virtuais e preciso manter horários sem atraso”, afirma o advogado Paulo Fernando.

“Hoje (19) foi o terceiro dia consecutivo que a luz cai. Não tem aparelho eletrônico que resista! Não consigo acreditar que tecnicamente não há condições de se evitar as oscilações da rede. Para mim, falta competência”, avalia o engenheiro, Marcos V. Nascimento. “Perdi minha geladeira. Os picos de energia a queimaram. E olha que estava um lindo dia de Sol, sem absolutamente nenhuma ventania. Estou decepcionada”, lamenta a jornalista Roberta Barbosa.

Consumidores podem solicitar ressarcimento

Consumidores que tiveram prejuízo com o blecaute podem solicitar reembolso por meio dos “canais de comunicação” da EDP. Tanto o site como o aplicativo disponibilizam esta possibilidade. Caso o serviço esteja aquém da expectativa o consumidor também pode acionar o Procon antes de ingressar na Justiça.

EDP

 Em nota a EDP esclarece que foram registrados piques recentes no fornecimento de energia para parte do bairro Jardim Aquarius, ocasionados pelo acionamento do sistema de proteção da rede, devido a interferência de vegetação. Segundo o texto foi realizada inspeção detalhada da rede local e a ação de intensificação dos serviços de poda está em andamento, com previsão de término para o final desta semana.

Ainda de acordo com o posicionamento, por conta da característica de arborização de grande porte do bairro Jardim Aquarius, a EDP implantou cabeamentos protegidos em áreas com potencial de interferência no sistema elétrico, minimizando o impacto da vegetação ao fornecimento de energia. Vale destacar, segundo a empresa, que a Companhia otimiza a eficácia dos cabos protegidos por meio da poda preventiva da vegetação sobre a rede.

Sobre a manutenção feita na rua das Piabas, a concessionário relatou que um galho de árvore caiu sobre a rede elétrica e que foi realizada uma manobra na rede para minimizar o impacto do dano causado à rede local e, por questão de segurança, os moradores ficaram com o fornecimento de energia interrompido durante o trabalho de recomposição da rede.

LIFE | aquarius-life - Publicado 23:29 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

3 thoughts on “Aquarius Life: Quedas constantes de energia geram prejuízos e transtornos durante pandemia

  1. Gustavo R disse:

    Hoje caiu na rua das Piabas, porque a fiação entrou em curto e gerou fogo, inclusive a árvore pegou fogo por um tempo até que a EDP chegou e controlou a situação.

  2. Bruno disse:

    A EDP não está nem aí! Onde está o Ministério Público? É inacreditável que o povo não tem auxílio de nenhum órgão! Cai a toda hora! Que engenharia porca essa da EDP!

  3. Georges disse:

    O crescimento atípico relatado pelo diretor é culpa única e exclusiva dos nossos políticos ávidos em pegar imposto onde der. Os moradores do Aquarius vem há anos solicitando um breque no crescimento desordenado da região mas os eficientes sempre justificavam que estava tuuuuudo certo.Recentemente o espertão que hoje comanda a cidade teve a cara de pau de dizer que esse crescimento desordenado é culpa única e exclusiva de nós moradores.Aí mete um elefante branco no pé da Cassiano, cuja pista inicia na saída do condomínio onde mora e justifica como obra essencial.Enquanto isso lá no Campo dos Alemães, Galo Branco e outras freguesias….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *