Zona Oeste: Funcionamento de Base Comunitária gera discórdia entre PM e Conseg


Conselho Comunitário de Segurança da região centro-oeste exige a retomada integral da rotina policial na Base do Jardim das Indústrias; PM alega que o local fica fechado apenas em alguns momentos. “É melhor deslocar o policial da Base para cumprir algumas missões do que retirar uma viatura da rua”, afirma a Comandante da 2ª Companhia

Aquarius Life  73 Conseg e PM Base comunitáriaDiscórdia e desarmonia entre o Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) da região centro-oeste e a Polícia Militar. O motivo é a rotina de funcionamento da Base Comunitária de Segurança do bairro Jardim das Indústrias.
Segundo a presidente do Conseg centro-oeste, Edna Zordani, a Base permanece fechada “dia sim, dia não”, sendo que durante o período noturno nenhum policial costuma ficar no local. “Até as luzes ficam apagadas. Exigimos a retomada da rotina normal de funcionamento. Vamos lutar até as últimas consequências, não estamos de braços cruzados. Se a Base for fechada, fecharemos também o Conseg”, afirma. E acrescenta.
“A Base da PM do Jd. das Indústrias existe há 35 anos. Foi uma conquista da comunidade. Não aceitamos a diminuição do efetivo policial do local”, enfatiza. Segundo a Capitão Jaqueline Pires, Comandante da 2ª Companhia do 1ºBPMI (Batalhão da Polícia Militar do Interior), a Base não está sendo desativada. “Ela apenas fica fechada em alguns momentos. Temos algumas missões a serem cumpridas e para não tirar o policiamento da rua, é melhor deslocar o policial da Base, já que a viatura tem uma amplitude maior de visibilidade”, conta.
Conforme a Comandante, a proposta de atuação consiste na base compartilhada de segurança. “O objetivo é operar em conjunto com a Guarda Civil Municipal. No momento em que os policiais atuarem em missões fora da Base, guardas civis ficam responsáveis pela segurança física, apoiados pelo monitoramento das câmeras do COI (Centro de Operações Integradas). Em São Francisco Xavier funciona dessa maneira. Esse mês será implantado em Eugênio de Melo. Já fizemos proposta junto à prefeitura para inserirmos esse modelo também na Base do Jardim das Indústrias. O próximo passo é trabalhar essa proposta junto à comunidade”, relata a capitão.


LIFE | oeste - Publicado 16:28 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Zona Oeste: Funcionamento de Base Comunitária gera discórdia entre PM e Conseg

  1. marcel disse:

    Como sempre o Jardim das Indústrias vem sendo esquecido, diversos assaltos estão ocorrendo devido a proximidade com a Dutra, fora o trânsito caótico, devido a construção desenfreada de prédios, além de um conjunto habitacional do governo, que trará mais transtornos ao bairro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *