Volume da Bacia do Paraíba dobra em um ano


Sistema está com a metade da capacidade útil

As chuvas surtiram efeito. O volume de água na bacia do Rio Paraíba mais que dobrou entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017, segundo dados divulgados pela ANA (Agência Nacional de águas).

Para efeito de comparação, na última quarta-feira, dia 4 de janeiro, o nível dos reservatórios, que englobam as represas de Paraibuna, Santa Branca, Jaguari e Funil (este último já no Estado do Rio de Janeiro) atingiram 49,45% de volume útil. No mesmo dia do ano passado, o nível estava em preocupantes 19,44%.

Individualmente, a represa do Jaguari, que fica em Jacareí, é a que apresenta o maior volume, chegando a 57,33%.

Em seguida, vem o reservatório do Funil, em Resende, já no Vale do Paraíba Fluminense (52,15%), depois Paraibuna (50,37%) e Santa Branca (apenas 16%).

No auge da crise hídrica, em janeiro de 2015,quando a região passou por um atípico período de estiagem quando deveria ser período de muitas chuvas, a represa de Paraibuna, que é o maior reservatório da bacia hidrográfica do Rio Paraíba do Sul, chegou a 0% de sua capacidade e foi preciso utilizar as reservas do volume morto. Jaguari chegou a praticamente zero em dezembro de 2014.



LIFE | cotidiano - Publicado 13:42 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *