Tributo a Marilyn Monroe

Marilyn faria 89 anos no dia primeiro de junho

Sua biografia pessoal é uma sucessão de tragédias, a mãe enlouqueceu e foi internada quando ela era bebê, o pai não a criou, nem sequer a viu, ela só soube o nome, viveu com tias, avós, em orfanatos, casou-se com a permissão do juiz aos 16 anos para não ficar só, com alguém que não conhecia muito bem, ah, foram 3 casamentos problemáticos, tinha histórico com excesso de álcool e remédios para dormir, ganhou uma mixaria pelas fotos nuas que fazem empresas lucrarem até hoje, trabalhou numa fábrica de armas e sofria com o cheiro de pólvora, ao decidir tornar-se mais loura que uma dinamarquesa, sofreu, na época não havia tintas boas para descolorir, cada sessão no cabeleileiro era um ardor e várias feridas para ter os fios mais platinados que o mundo já viu e conseguir a almejada atenção, que no fundo não teve.

O mundo apaixonou-se pela imagem de Marilyn, a pobre Norma Jean (nome de batismo) ninguém quis. Na época o padrão de beleza era o estilo pin up, mulheres com busto e quadril fartos, uma barriguinha era até aceita, cabelos armados, olhos delineados e batom vermelho-sangue. A propósito, o termo nasceu do fato de que essas fotos sensuais eram recortadas das revistas e penduradas nos quartéis pelos soldados que iam para a guerra, pin up em inglês significa pendurar! Marilyn foi a síntese da beleza  pin up.

O cabelo original de Marilyn era louro escuro, ela teve que maquiar as sardas para ser aceita em Hollywood, a cicatriz da apêndice sempre com camadas de base, cílios e unhas postiças eram regra, uma sucessão de alterações.

Ela cresceu vendo os filmes de outra platinada: Jean Harlow e queria ser igual ela, (ah, se Marilyn sofria para tingir, dizem que Jean tinha o couro cabeludo em carne viva, as vezes, devido a tintura péssima da época), ocorre que a inspirada superou a inspiração!Marilyn chocou a América puritana ao pronunciar a frase: “Quando o calor é excessivo, coloco a calcinha na geladeira e depois visto de novo!” – no filme: O pecado mora ao lado. Dizem as más línguas que tantas atrizes da época a invejavam, que nem sequer iam numa festa onde ela estava, porque como iam aparecer?

Rivais o tempo todo: Marilyn e Liz Taylor, não aceitavam sequer sair na mesma revista, o mundo via loira e a morena mais lindas daquela época brigarem por fama! Ao falecer (sob circunstâncias até hoje contraditórias, uns dizem overdose acidental de remédios para dormir, outros dizem que foi um assassinato feito para parecer suicídio, pois ela talvez fosse amante de um político poderoso: o presidente), como não sabia negociar nem lia os seus contratos, quase nunca tinha um dólar na carteira, o seu funeral foi pago com uma vaquinha que o seu terapeuta organizou, nas últimas homenagens poucas pessoas, os boatos de sua morte deram medo a fãs de comparecer.

Houve um empresário que sofreu mesmo e quis fazer algo, foi o dono da revista Playboy, Hugh Hefner, ele afirmou que ela era a mulher mais linda que andou sobre a Terra, que nunca haverá outra igual e fez o que de certa forma é o maior tributo que se pode fazer a um morto, Hefner comprou a lápide ao lado dela e deixou ordens explícitas no testamento, que quando se for, quer descansar para a eternidade ao lado dela.

Alguns fatos:

O último ex-marido, Joe DiMaggio levou rosas lá até o último dia que conseguiu.

Marilyn originou sem intenção, as piadas de loira-burra, em parte por realmente falar bobagens e em parte por fazer disso um MKT.

Há um documentário que afirma que não há como provar, mas talvez ela foi uma das primeiras mulheres a colocar silicone nos seios, mas se internou no hospital com outro nome, para ninguém saber.

Sua foto com o vestido voando é uma das 10 imagens mais famosas do mundo, de acordo com uma pesquisa recente de publicidade.

Ela era estéril, o mal de seus ovários hoje tem tratamento. O roqueiro Marilyn Manson, usa esse nome artístico inspirado nela, confessou!

O MITO NUNCA É A HISTÓRIA COMPLETA.

TEXTO DE: BONNIE HUTT

LIFE | artigos - Publicado 12:46 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *