Poucos ônibus prejudicam rotina de moradores do bairro Parque Santos Dumont

Um dos horários foi tirado pela prefeitura; usuários relatam que não foram informados e cobram solução urgente. “É uma situação absurda, um verdadeiro descaso com o povo de bairro humilde”, afirma Rita de Cássia. Confirma depoimento!

Em meio à pandemia uma das principais críticas da população sobre os serviços públicos em São José dos Campos diz respeito ao transporte público. Ônibus lotados, circulação restrita e poucas opções de horário são reclamações constantes e foram assunto em diversas matérias deste portal. Desta vez a crítica principal é feita por moradores do Parque Santos Dumont. Segue abaixo depoimento da usuária Rita de Cássia Leite.

“Secretário do transporte de São José dos campos faz chacota com moradores do Parque Santos Dumont e (Aeroporto)Vila São  Benedito. O nosso bairro Parque Santos Dumont que tem apenas um ônibus onde a espera de um horário para  o outro é de quase 2 horas ,um horário da manhã chega 3horas tem um ônibus às 8h30 e o próximo ás 11h,a dificuldade para estudar, trabalhar é tremenda e o secretário do transporte e a prefeitura de São José dos campos simplesmente tiraram o horário das 17h25 saindo do terminal, horário que nós trabalhadores pegávamos para voltar do trabalho depois de um dia cansativo e duro de trabalho. Não nos avisaram. Chegamos no terminal e ficamos esperando como palhaços e o fiscal disse que a prefeitura tinha tirado o ônibus para colocar na linha do Santa Júlia, naquele horário, ficamos indignado porque tem ônibus 15h30 depois só 19h40. Mós saímos de casa as 5h, 6h da manhã para o trabalho para não ter ônibus para voltar pra casa? Temos que pegar para o Putim e andar 3km esteja Sol ou chuva.Poxa, na região do Putim tem muitos ônibus, nós é só um que é muito demorado e o secretário do transporte tira nosso horário de pico pra colocar no Santa Júlia, por que seu secretário? Lá está com mais eleitor é isso? Uma senhora de 72 anos com saúde não muito boa estava na rodoviária e teve que pegar para o Putim e pedir ajuda de alguém para chegar até em casa. Um absurdo a desfeita com o povo. Sr secretário o senhor deveria ao menos ter a dignidade de conversar, analisar, aqui é um ônibus que não poderia mexer. Somos de bairro humilde sim, Sr secretário, mais aqui tem trabalhador que precisa trabalhar e precisa de ônibus.  Para de mostrar o transporte de São José dos Campos na TV dizendo que está bom porque é propaganda enganosa seu secretário, não se esqueça que o salário de cada um de vcs vem das mãos dos trabalhadores, esses mesmo que o senhor faz chacota, vem aqui no nosso bairro vamos andar juntos os 3km, vem um dia de sol e um dia de chuva. Infelizmente, conhecemos um pouquinho do secretário do transporte de São José dos campos, uma pessoa que não é nem um pouco solidário e não pensa na dificuldade de ninguém, decepção com o senhor seu secretário do transporte e pouco estamos indignados. O aeroporto serve também à Vila São Benedito, Jardim Souto, Jardim da Granja, mas nós somos os mais prejudicados, só ele vir no nosso bairro, o Sr podia ser mais humano e refletir e resolver da melhor maneira nosso caso, somos gente, humanos e temos direitos como todos e ainda tento acreditar que o Sr pode rever isso e melhorar pra nós trabalhadores que precisamos de ônibus. Está de pé o convite: faça o trajeto que fazemos depois de 9 horas de trabalho!!!”

Prefeitura

O depoimento que consta nesta matéria foi enviado na íntegra à assessoria de imprensa da secretaria de Mobilidade Urbana, que confirmou recebimento. Não houve retorno da pasta dentro do prazo estipulado pela reportagem. Esta matéria pode ser atualizada.

LIFE | cotidiano - Publicado 13:29 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *