Nova Arena de Esportes será administrada pelo Grupo Farmaconde

Administração é válida por 20 anos, prorrogável por mais 10

A empresa MCG – Suplementos Alimentares Ltda, pertencente ao grupo Farmaconde, arrematou a disputa da concorrência pública para administração da Arena Municipal de Esportes, localizada no Jardim das Indústrias, região oeste da cidade. Os envelopes com a documentação e a proposta foram abertos nesta terça-feira (3).

O grupo Farmaconde foi o único participante do certame. A empresa ofereceu um percentual de remuneração mensal de 100% a mais do que o previsto no edital, ou seja 10% a ser aplicado sobre a receita bruta da concessionária, com grande vantajosidade para a Prefeitura.

O fato de a contrapartida ser o dobro do previsto no edital comprova o sucesso do certame. O grupo Farmaconde já patrocina o time masculino de vôlei, que vai representar São José no Campeonato Paulista e na Superliga Nacional.

Agora, a comissão de licitação fará a análise da documentação antes de publicar a habilitação da empresa como vencedora oficial da licitação. A empresa será notificada dentro do prazo de cinco dias, contados do recebimento da notificação, para a assinatura do contrato. Caberá à Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida expedir a ordem de início da concessão no prazo de oito dias a contar da assinatura do contrato.

O objeto da concessão é a administração, gestão, operação, exploração e manutenção da Arena Municipal de Esportes, pelo prazo de 20 anos, prorrogável por mais 10 anos.

A arena pode converter-se em espaços multiuso capazes de receber diferentes modalidades de eventos esportivos, culturais, sociais, entre outros, com segurança, conforto e viabilidade econômica. Pelo menos dois dias da semana (terça e quarta-feira) deverão ser reservados para realização atividades ou eventos das equipes esportivas que representam o município, sem ônus para o poder público.

A concessionária poderá explorar comercialmente a arena, abrangendo publicidade e estacionamento, com a cobertura correspondente de seguro.

A arena

A arena, localizada na Rua Winston ChurchilI, 230, foi construída em uma área de 10.700 m2, além de um estacionamento com 15.700 m2 (705 vagas).

No prédio principal, um grande hall está disponível para recepções, exposições, entrevistas coletivas e visitas à galeria de troféus. As arquibancadas, com capacidade para 5.000 pessoas, contam com cadeiras numeradas e estão equipadas também para atender também as pessoas com mobilidade reduzida. Os ambientes elevados abrigam instalações para a imprensa e camarotes para autoridades e convidados.

Para acompanhamento do evento pela torcida, foi instalado um placar eletrônico de LED, de alta resolução. O equipamento está na altura do centro da quadra e tem quatro faces, com recursos em vídeo e informações sobre tempo de jogo, resultado, performance dos atletas e estatísticas online das equipes.

O pavimento térreo compreende a quadra poliesportiva com camarotes de piso. São 5 vestiários: 4 destinados aos atletas – 2 para o time da casa e igual número para os visitantes – e 1 para árbitros, pessoas com deficiência e profissionais das equipes de exame antidoping.

Nesse andar ficam à disposição do público sanitários, bebedouros, lanchonetes e bilheterias. Dois elevadores, rampas e escadas dão acesso à arquibancada, no piso superior.

LIFE | cotidiano - Publicado 17:18 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

One thought on “Nova Arena de Esportes será administrada pelo Grupo Farmaconde

  1. Rubens Filho disse:

    Putz! Farmaconde!? O mesmo envolvido em investigações e denúncias !? Só no Brasil mesmo.
    1- MP investiga esquema milionário de lavagem de dinheiro na região
    Grupo da Farma Conde teria criado empresas de fachada para trazer produtos e revendê-los mais baratos, além de sonegar impostos e lavar dinheiro; a operação do Gaeco apreendeu R$ 75 mil, armas, munição e documentos-28/06/2017
    2- OPERAÇÃO INVESTIGA REDE DE FARMÁCIAS POR SUSPEITA DE LAVAGEM DE DINHEIRO E SONEGAÇÃO DE IMPOSTOS. A Receita Federal, a Secretaria Estadual da Fazenda e o Ministério Público (MP) deflagraram uma operação contra uma rede de farmácias de São José dos Campos (SP) por suspeita de lavagem de dinheiro e sonegação de impostos. A operação foi batizada como Monte Cristo.
    3- MP investiga um dos maiores esquemas de sonegação de impostos no mercado de medicamentos. O Fantástico teve acesso aos vídeos dos depoimentos que levaram o Ministério Público a denunciar os líderes desta organização criminosa. Veja mais detalhes sobre a investigação e conheça o esquema utilizado pelos fraudadores.
    Por Fantástico -17/01/2021 22h32 “O mercado não é inocente, não é ingênuo, como eu também não sou ingênuo. Se o remédio custa R$ 8, e está custando R$ 4 é porque não foi recolhida a substituição tributária”, afirma um dos delatores do esquema, Manoel Conde Neto.

    A sonegação impossibilita a concorrência com as empresas que pagam impostos corretamente.

    “Hoje deve ter mais de 150 distribuidoras no estado de SP praticando essa distribuição fraudulenta de medicamentos para as redes de farmácias pequenas e para as redes de farmácias independentes”, completa Manoel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *