Meu Pet Feliz abre 1.000 vagas para castração de cães e gatos em São José

Na próxima terça-feira (3), às 9h, a prefeitura de São José dos Campos vai abrir as inscrições para o programa Meu Pet Feliz. Nesta 12ª edição, serão oferecidas 1.000 vagas para a castração de cães e gatos.

As inscrições poderão ser feitas no site da prefeitura e serão encerradas após o preenchimento de todas as vagas. A previsão é que as cirurgias sejam realizadas nos dias 18 e 19 de agosto.

Requisitos para inscrições:
Proprietário:
• Residir no município de São José dos Campos e ter idade mínima de 21 anos.
Animais:
• Devem ser de espécie canina ou felina.
• Não serem utilizados para fins comerciais ou de competições.
• Animal em boas condições de saúde, não estar obeso, caquético ou apresentar doença e desgaste físico ou anêmico ou doenças de pele aparentes.
• Fêmeas não devem estar no cio, prenhas ou amamentando no dia da cirurgia.

Gatos:
• Idade entre 4 meses a 8 anos.

Cães:
• Até 20 Kg: devem ter idade entre 6 meses a 8 anos.
• Entre 21 a 30 kg: devem ter idade entre 6 meses a 6 anos.
• Acima de 30 kg: devem ter idade entre 6 meses a 6 anos.

Importante:
• Cães e Gatos braquicefálicos (focinho achatado) não estão contemplados nesse programa (cães das raças Pug, Bulldog Francês e Inglês, Boston Terrier, Boxer, Shih Tzu, Ihasa Apso, Pequinês, entre outros; gatos persa, entre outros).

Critérios para inscrições:
• Poderão ser castrados até 2 animais por CPF/Endereço. A fila seguirá ordem cronológica de inscrição.
• ONG’s e Protetores independentes, previamente cadastrados no Centro de Controle de Zoonoses, também deverão inscrever animais sob sua responsabilidade, cujas vagas serão distribuídas mediante percentual equitativo. A fila seguirá ordem cronológica de inscrição.
• Para o tutor que faltar no dia da cirurgia, o programa receberá nova inscrição após 120 dias.
Taxas:
• Programa 100% gratuito!
• Nenhuma taxa pode ser cobrada dos inscritos para realização do procedimento cirúrgico de castração.

Meu Pet Feliz
O programa foi criado em agosto de 2018, ao longo das 11 edições concluídas foram castrados 11.251 animais, sendo 5.618 fêmeas caninas, 3.097 machos caninos, 1.596 fêmeas felinas e 940 machos felinos.
O programa é permanente e tem como objetivo estimular a saúde e o bem estar de cães e gatos, com ênfase na posse responsável. Além da castração, o programa faz a microchipagem para identificação dos animais, minimizando abandonos, maus tratos, furtos, entre outros.

LIFE | cotidiano - Publicado 12:49 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: Clique aqui Telegram
Acompanhe em nosso grupo de Whatsapp:  Clique aqui WhatsApp
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma
Nosso Canal no YouTube:
Entre aqui

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

3 thoughts on “Meu Pet Feliz abre 1.000 vagas para castração de cães e gatos em São José

  1. Grfh disse:

    KD o link?????????

  2. Elza Kusano disse:

    Parabéns e muito obrigada pela belíssima campanha!

  3. me disse Rubens Filho disse:

    Animal de estimação e não Pet.
    Queria saber o motivo deste termo gringo/@mericanizado/ estrangeirismo PET ser tão difundindo no Brasil e ainda por cima usado de forma errada.
    Em países , de outros idiomas que não sejam o inglês, não se usa PET. Que também pode ser usado para pessoas.

    Em português, animal de estimação vem de estima, que quer dizer gostar, amar, apreciar.
    Portanto, animal de estimação e não Pet.

    Ao que tudo indica ‘pet‘ surgiu, por volta do fim do século 14, na Escócia e norte da Inglaterra com o sentido de ‘animal domado‘. No entanto, há registros de que em 1530 ela já era usada no sentido de ‘animal favorito‘ [animal de estimação]. Ninguém afirma com certeza, porém acredita-se que ‘pet‘ tem sua origem ligada à palavra ‘petty‘, que era usada em 1393 com o sentido de ‘small‘ [pequeno]. Agora é que a coisa fica legal: ‘petty‘ vêm do francês ‘petit‘; ‘petit‘ saiu do latim vulgar ‘pittinus‘. E ‘pittinus‘ se juntou com o radical ‘pikk‘ e deu a nós, falantes de português, a palavra ‘pequeno‘. Não entendeu nada do que eu disse? Tem problema não! Mas que é interessante é! Embora, seja uma viagem meio louca!

    Além de saber dessa maluquice do parágrafo acima é bom você aprender também que ‘pet‘ significa outras coisas em inglês. Mas antes saiba que é comum especificar o seu animal de estimação dizendo: ‘pet dog‘, ‘pet cat‘, ‘pet rabbit‘, ‘pet hamster‘, etc. ‘Donos de animais de estimação‘ são chamados de ‘pet owners‘. E tem o ‘pet shop‘ onde você pode comprar ‘pet food‘.

    Sobre os outros significados anote aí que ‘pet‘ é usado, no inglês britânico, para se referir de modo carinhoso a um amigo ou amiga. Assim, você pode ouvir alguém dizendo “what’s wrong, pet?” [qual o problema, meu amigo?]. Mas, cuidado! Dependendo da situação ‘pet‘ terá o sentido de ‘protegido‘, aquela pessoa que recebe atenção especial de alguém e que parece ser o protegidinho e coisas assim. Em inglês, tem até a expressão “teacher’s pet“, o queridinho do professor [coisa que eu nunca fui!].

    ‘Pet‘ é também usado como adjetivo. ‘
    Pet project‘ [projeto favorito] no momento. Você pode ter uma ‘pet idea‘ [ideia favorita] ou uma ‘pet theory‘ [teoria favorita] para algo. Tem ainda ‘pet name‘ que é um apelido carinhoso que você dá a um amigo ou alguém da sua família.

    Por fim, tenho de dizer que ‘pet‘ pode ser verbo. Um dos sentidos é o de ‘afagar‘, ‘acariciar‘. Tipo quando você fica passando a mão em um gatinho ou em um cachorrinho. Você pode então ‘pet the dog‘ [acariciar o cachorro]. E o outro sentido, mais comum no inglês americano, é o de ‘dar uns pegas‘, ‘dar uns malhos‘, ‘dar uns amassos‘; por exemplo, ‘I saw them petting in the bedorrom‘ [eu vi eles se pegando no quarto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *