“Me deixa trabalhar”! Donos de bares e restaurantes fazem novo protesto na tarde desta quinta

Classe está impedida de trabalhar – de forma presencial com clientes – há mais de 3 meses devido às restrições da quarentena elaborada pelo governo do Estado

Foto: Life

Quem passava pela avenida Anchieta na linda tarde desta quinta (23), no Jardim Esplanada, de imediato reparava nas pessoas que protestavam por estarem impossibilitadas de trabalhar pelo governo do Estado. A cena se tratava de um novo protesto pacífico feito por uma das classes mais afetadas pela grave crise econômica atual: o setor de bares e restaurantes.

A manifestação foi organizada pelo Sinhores – Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares. Os participantes portavam cartazes pedindo pelo livre direito ao trabalho.

A classe já havia feito um protesto no dia 3 de julho. 

LIFE | cotidiano - Publicado 16:21 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

9 thoughts on ““Me deixa trabalhar”! Donos de bares e restaurantes fazem novo protesto na tarde desta quinta

  1. Michel disse:

    É isso msm..vamos abrir os bares..se morrer alguém, morreu, fazer o que ..não sou coveiro e outra ..mete cloroquina no povo. Meu SUV BWM tá financiando e eu não posso perder..celta nem pensar!!!

    • Luzia Franco Dos Santos disse:

      Concordo com o Michel👍🏻

  2. Gracia disse:

    Concordo que a situação dos empresários está crítica, porém colocar a vida das pessoas em risco por conta das dívidas contraídas pelos exageros de consumo, é um absurdo. Se morrer alguém..
    morreu, não. Se perder o carro…perdeu. Esse será o novo mundo daqui para a frente. Adeque-se.

  3. Ana Marua disse:

    Me deixa viver! Eh uma temeridade abrir barzinho e restaurante neste momento. Vcs já viram o que aconteceu nas cidades que o fizeram? Este protesto eh totalmente equivocado. Vamos deixar morrer quantas pessoas ?

  4. João Pedro disse:

    Tem q abrir logo. Tem q abrir tudo logo. Todos serão contaminados mais cedo ou mais tarde, independente dessa frescura de máscara ou distanciamento. Todos serão auto imunizados ( corpo humano produz anti-corpos). Governo do Estado de SP ( Dória) quer esticar Quarentena por outros motivos. Assim como no Rio, deve ser iniciado já um Processo de Impeachment desse Dória . Motivos não faltam. Também deve ser Responsabilizado pelos milhões de empregos q ele está destruindo. Ele mora no Palácio às custas dos eleitores. Mandar assim é moleza. IMPEACHMENT AO DORIA JÁ !

  5. José Maria Paranhos disse:

    É, tomara que nenhum de vocês dois gênios tenha algum parente ou familiar dono de restaurante ou funcionário, ou que trabalhe com isso né, hipócritas!
    Esses dois devem ser juízes ou promotores ou funcionários públicos posando de coitadinhos, mas com a pança cheia de dinheiro de impostos.

  6. Bruno disse:

    Não sou coveiro, taokey? Se morrer, morreu!

  7. Gustavo disse:

    Se tivéssemos feito uma quarentena séria já estaríamos retornando à uma normalidade controlada, como em alguns países europeus e asiáticos. Mas fizemos uma quarentena “meia boca”, com um líder que prefere fazer propaganda de “elixir da vida” do que liderar o país em um momento difícil, e o prefeito jogando para a torcida com os casos e óbitos aumentando dia após dia.
    Me solidarizo com os comerciantes, mas os números de nossa região mostram que não é o momento de flexibilizar ainda mais.
    Cobrem do poder público uma liderança maior e muita responsabilidade! Cobrar o retorno à uma falsa normalidade pode ter um enorme custo em vidas, e o efeito para os Srs pode ser o inverso do que estão pleiteando.

  8. Bruno disse:

    João Pedro, nos conte onde fica seu comércio? Nome endereço? 👍

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *