Vacina: Em filas enormes, profissionais da saúde reclamam de atraso e falta de organização nos postos

Foto Life

O primeiro dia(4) de vacinação dos profissionais de saúde autônomos ou que não atuam diretamente na linha de frente do enfrentamento à pandemia de covid-19 começou com muita reclamação. A falta de organização e atraso foram mencionado por muitas pessoas que estavam na fila da UBS Resolve na avenida Anchieta, no Jardim Esplanada em São José dos Campos.

Foto Life

A vacinação, marcada para iniciar às 8h, não tinha começado até às 8h30. “Acho um absurdo a falta de respeito com o próximo, tanto tempo para organizar e na hora é isto”, reclama uma enfermeira.
Muitas pessoas abordadas pela reportagem pediram para a UBS liberar uma senha para quem estava na fila. Segundo informações não oficiais, a UBS Anchieta recebeu 300 doses. A fila desta UBS dava volta no quarteirão, uma estimativa era de mais de 300 pessoas na fila.

A vacinação na UBS da Vila Maria, situada na rua São Pedro, teve início às 9h15. Cerca de 150 pessoas estão na fila. Funcionários distribuem senha é garantem que há vacina para todos até o prezado momento.

Segundo a prefeitura, nesta manhã havia filas em todas as UBS´s da cidade. Vale lembrar, que a vacinação é para profissionais de saúde autônomos ou que não atuam diretamente na linha de frente do enfrentamento à pandemia. Todos deverão comparecer nas unidades básicas de saúde munidos do documento que comprova sua condição profissional.

Nesta quarta (3), a prefeitura recebeu mais 10.200 doses da vacina CoronoVac, do Instituto Butantan, destinadas a esse público e a idosos a partir de 90 anos, cuja campanha começa na segunda-feira (8).

Também poderão se vacinar a partir de quinta os trabalhadores de apoio aos serviços de saúde, como recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias e outros. Neste rol também estão incluídos os profissionais que atuam em cuidados domiciliares, como cuidadores de idosos, doulas e parteiras.

A vacina também será ofertada para acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios.

A expectativa da Secretaria de Saúde é vacinar cerca de 7.500 pessoas deste público.

Já estão disponíveis no site da prefeitura (www.sjc.sp.gov.br/servicos/saude/coronavirus/vacina) os documentos que devem ser apresentados na Unidade Básica de Saúde. Para os trabalhadores de apoio aos serviços de saúde, a declaração deve estar assinada pelo empregador.

Idosos

Essas doses distribuídas pelo Governo do Estado também são para atender os idosos acima de 90 anos. A prefeitura estima um público-alvo de cerca de 3.500 pessoas. A vacinação começa na segunda-feira (8) e ocorrerá também em 45 postos (40 unidades básicas e 5 unidades avançadas de saúde), das 8h às 17h.  As quatro unidades da Casa do idoso (Centro, Sul, Leste e Norte) também vacinarão de 8h até 17h.

A vacinação em São José dos Campos começou no dia 20 de janeiro, com as primeiras 11 mil doses da CoronaVac enviadas pelo Governo do Estado, pelo Instituto Butantan. No dia 26, a cidade recebeu mais 8.470 doses da AstraZeneca, liberadas pelo Governo Federal. As duas remessas foram para atender os profissionais de saúde de hospitais públicos e privados que atuam na linha de frente de combate à pandemia e os idosos e trabalhadores das instituições de longa permanência.

Foram vacinados até o momento 10.940 profissionais de saúde de unidades públicas e privadas, idosos e trabalhadores das ILPIs, sendo que 9.237 receberam as doses da CoronaVac e 1.703 as da AstraZeneca.

Locais de vacinação
45 postos – 40 Unidades Básicas de Saúde e 5 Unidades Avançadas
Casa do Idoso (para idosos)

Horário
8h às 17h
UBS Bonsucesso e Unidades Avançadas das 8h às 16h

Documentos necessários

Profissionais de saúde (geral)

  • Documento de identificação oficial original (com foto)
  • Documento do conselho de classe válido original ou holerite/folha de pagamento do mês anterior ou vigente com especificação de função ou carteira de trabalho com especificação de função original ou crachá funcional com especificação de função com foto original.

Cuidadores de idosos, doulas e parteiras

  • Documento de identificação oficial original (com foto)
  • Diploma de curso compatível ou holerite/folha de pagamento do mês anterior ou vigente com especificação de função ou carteira de trabalho com especificação de função ou crachá funcional com especificação de função com foto.

Administrativos que trabalham na área de saúde
Trabalhadores de drogarias ou laboratórios
Trabalhadores de funerária e cemitério que manipulam cadáveres potencialmente contaminados

  • Documento de identificação oficial original (com foto)
  • Holerite/folha de pagamento do mês anterior ou vigente com especificação de função ou carteira de trabalho com especificação de função original.
  • Declaração do empregador (modelo no site da Prefeitura)

Alunos da área da saúde

  • Documento de identificação oficial original (com foto)
  • Declaração do local onde realiza estágio em São José dos Campos (modelo no site da Prefeitura)

Idosos

  • Documento oficial com foto, que comprove idade

 

LIFE | cotidiano - Publicado 09:34 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

3 thoughts on “Vacina: Em filas enormes, profissionais da saúde reclamam de atraso e falta de organização nos postos

  1. Terezinha Oliveira disse:

    O Prefeito tem que melhorar este atendimento. É preciso ter outros postos de atendimento. Tem que ter alguns pontos de Drive Thru.

  2. João disse:

    Infelizmente , houve falta de um melhor planejamento da secretaria de saúde. Não fez o cálculo correto das necessidades da vacina para a população que trabalha na Saúde.
    Colocou todos juntos , tais como : médicos, enfermeiros, recepcionistas, fonoaudiólogos, servicos gerais, serviço social , fisioterapeutas, e outras atividades ligadas à saúde, para tomarem a vacina nessa quinta-feira, dia 04.02 .21 , sem definir as prioridades e sem dimensionar corretamente as doses necessárias, fazendo com que muitos interrompessem suas atividades e não conseguissem se vacinar !
    Faltou um planejamento inteligente !!!

  3. João disse:

    Gostaria de saber se o cronograma de vacinação dos idosos vai conseguir abranger até a faixa de 60 anos .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *