Dia dos Pais: Cuidados com o comércio eletrônico

Aumento das vendas trouxe também o aumento dos problemas com compras online; fique ligado nas dicas para este Dia dos Pais

Por Diogo Marques Machado

O comércio eletrônico vem batendo recordes de crescimento. Com a recomendação de ficar em casa, e muitas lojas ainda fechadas, comprar pela internet acaba sendo a melhor opção.

O aumento das vendas trouxe também o aumento dos problemas com compras online. Produtos com defeito, ou diferentes daquele que você comprou, atraso na entrega ou até mesmo a mercadoria nunca ter chegado são as reclamações mais comuns.

Com o dia dos pais chegando, considere tomar alguns cuidados antes da próxima compra:

1.COMPARE: Já aconteceu de você está navegando e de repente “topar” com uma promoção daquele produto que você tanto quer? Parece até coincidência, mas não é. Alguns sites vigiam a sua navegação e procuram por coisas que você possa ter interesse em comprar. Os anúncios que aparecem para você foram escolhidos a dedo conforme seus hábitos na internet.

Mas nem sempre aquela “promoção” é tão vantajosa como parece. Pesquise pelo mesmo produto em outra loja, ou use os sites que comparam preços.

INVESTIGUE: Como na vida real, a internet está cheia de armadilhas. Uma tática usada para atrair vítimas é oferecer um produto por um preço muito abaixo do mercado.

Não existe milagre, desconfie! Aquele notebook pela metade do preço, ou aquele tênis baratinho pode ser a isca para um golpe. O produto pode jamais chegar na sua casa, ou ser falsificado, de uma qualidade muito inferior do que você esperava.

“PRINTE” TUDO: Quando compramos numa loja física, não guardamos a nota fiscal, caso seja necessário? Pois então, quando compramos pela internet, podemos também registrar cada passo da nossa compra. Use a tecla Print Screen do seu computador, e vá “colando” as capturas de tela num arquivo (eu gosto de usar o PowerPoint, mas outros programas também servem). Caso haja algum problema, você terá registrado toda a compra.

Mesmo tomando todos os cuidados, o que fazer quando o produto chega com defeito, é diferente do que imaginou, ou até mesmo ele nunca chegar?

O consumidor tem sete dias, a partir do recebimento do produto, para devolvê-lo. Você não precisa dizer o motivo da devolução. É um direito seu desistir da compra feita fora da loja (como compras pela internet, por telefone ou por catálogos).

Se o produto vier defeituoso, o fornecedor deverá sanar o problema em até trinta dias. Se passar desse prazo, o consumidor pode escolher entre: Cancelar a compra e receber o dinheiro de volta, substituir o produto por outro ou ficar com o produto e receber um abatimento no preço.

Dependendo do caso, o consumidor pode, além de cancelar a compra, ser indenizado por danos materiais ou morais, caso prove que a falha na entrega do produto ou do serviço causou um prejuízo. Nestas situações é recomendável consultar um advogado para avaliar ser possível ou não ser indenizado.

O comércio eletrônico é uma realidade e é possível ter uma boa experiência se transportarmos para o “mundo virtual” os mesmos cuidados que já temos no “mundo real”!

Diogo Marques Machado
Sócio da Gilson dos Santos, Machado e Bertazzoni Advogados
([email protected])

LIFE | cotidiano - Publicado 17:38 | - Redação

Compartilhe:

A LIFE INFORMA é um portal de notícias regionalizadas de São José dos Campos -SP.
Quer receber notícias pelo Telegram clique: https://t.me/lifeinform
Denúncias, reclamações e informações: Nossa redação 12 98187-2658
Siga nossas redes sociais: @lifeinforma

Apple APP
Android APP

LIFE | ANÚNCIO DE PARCEIRO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *